Paperboy – Pete Dexter

Hillary Van Wetter foi preso pelo homicídio de um xerife sem escrúpulos e está, agora, aguardando no corredor da morte. Enquanto espera pela sentença final, Van Wetter recebe cartas da atraente Charlotte Bless, que está determinada a libertá-lo para que eles possam se casar. Bless tentará provar a inocência de Wetter conquistando o apoio de dois repórteres investigativos de um jornal de Miami: o ambicioso Yardley Acheman e o ingênuo e obsessivo Ward James.
As provas contra Wetter são inconsistentes e os escritores estão confiantes de que, se conseguirem expor Wetter como vítima de uma justiça caipira e racista, sua história será aclamada no mundo jornalístico. No entanto, histórias mal contadas e fatos falsificados levarão Jack James, o irmão mais novo de Ward, a fazer uma investigação por conta própria. Uma investigação que dará conta de um mundo que se sustenta sobre mentiras e segredos torpes.
Best-seller do The New York Times, Paperboy é um romance gótico sobre a vida aparentemente sossegada das cidades do interior. Um thriller tenso até a última linha, que fala de corrupção e violência, mas que, ao mesmo tempo, promove uma lição de ética.
  Não tenho outra palavra para descrever este livro a não ser BRILHANTE, é quase perfeito como o autor consegue misturar romance, investigação e suspense sem que o livro fique over, é tudo meticulosamente bem feito hahahaha, eu sou suspeita para falar sobre livros com investigação porque sou comprovadamente uma fã de livros que tenham pelo menos um "quê" de mistério.
   Não comecei este livro com grandes expectativas e preciso falar que eu ficava mais e mais surpresa a cada página, não somente por causa de descobertas ou coisas do tipo, não foi por isso. A razão foi pelo fato de eu amar os personagens, não porque eles são perfeitos, pelo contrário, eles são ricamente descritos, suas personalidades, defeitos e qualidades. É tudo muito bem feito.
    Eu consegui me envolver com a história, afinal, é quase impossível não fazer isso com uma obra assim. O livro não tem uma temática puritana, fala sobre sexo às vezes, mas nada vulgar, além do mais, estamos na década de 70, e varias coisas são permitidas.  A história tem tudo na medida certa, não enfoca tudo em um só assunto e é isso que faz com que ela se torne algo delicioso para se ler (PS: caro leitor, este livro virou filme com direito a Zac Efron, Nicole Kidman, entre outros atores de renome).
     Em relação aos personagens: Eu amei o personagem principal, porém não consegui ver o Zac Efron como o Jack, é porque o personagem não faz a linha de garanhão e tal, e pessoalmente eu acho este ator simplesmente lindo demais, do tipo que faz as garotas soltarem suspiros quando entra em cena hahaha. Voltando ao personagem, ele é um homem normal, com desejos que às vezes o fazem ficar meio sem jeito hahaha, e tem defeitos, mas é muito legal ver sua relação com o irmão (Ward), e com seu pai (chamado de W.W na cidade), que embora não seja perfeita, ela vai de certa maneira crescendo aos poucos, mas de maneira real, nada do estilo happily ever after (assim gente, espero que vocês notem que tenho uma certa preferência por livros com finais inesperados, sejam eles felizes ou não).
        O irmão dele, Ward, é mais misterioso, quieto e super focado no trabalho de jornalista, ele faz a linha de homem mais sério. Yardley Acheman é um personagem muito ambicioso que coloca suas vontades acima de qualquer coisa, mas é considerado ótimo em seu trabalho de jornalista, e é muito chato. E a personagem feminina, Charlotte Bless, é uma personagem nada puritana que se veste de maneira provocativa, embora não seja tão nova assim, é meio problemática (minha opinião) e eu realmente não consegui entender o porquê dela começar a se envolver com o Hillary Van Wetter, um cara que foi acusado e sentenciado à morte na cadeira elétrica. Apesar de tudo isso ela acredita que ele é inocente e começa a enviar as cartas para Ward a fim de fazê-lo investigar mais sobre as inconsistências do caso.
Aqui vão duas partes do livro que eu realmente gostei:
*
 "- Vai sair para nadar hoje? - perguntou Ward [...]
- Há muito vento - eu disse - O mar tem que estar tranquilo ou você passa o tempo todo lutando contra a água.
 - Mas se você está dentro da água. Como é capaz de sentir o vento se estiver dentro da água?
 - Você sente - eu disse - Mas, se o tempo estiver calmo, você não tem que lutar. Em uma noite calma, você simplesmente faz parte do mar."
*
  "Ele concordou com a cabeça, e logo depois, seu olho brilhou, cheio de lágrimas. Quando ele piscava, elas escorriam pelo rosto. [...]
   E unidos daquela maneira, Ward e eu, por algum tempo naquela tarde, nunca nos sentimos tão próximos em toda a vida."
*
    Termino esta resenha SUPER INDICANDO este livro para aqueles que gostam de ler algo que foge do convencional, algo que envolve o leitor e o instiga a continuar com esta leitura, que tem uma história em si muito bela, mas com isso não digo finais idealizados, não, são finais que parecem ser reais, então se você quer algo impactante, corra agora mesmo para a livraria e compre seu exemplar deste livro que considero fascinante. Cinco casinhas com certeza + bônus hahahaha.
Avaliação







Comente com o Facebook:

12 comentários:

  1. Simplesmente adorei a resenha, você me deixou morrendo de vontade de ler esse livro, agora que sei que tem filme é com Nicole Kidman, vou devorar esse livro é vendo a Nicole como a personagem rsss, a capa não me chama a atenção, mas depois de ler tantas resenhas falando bem dele, vou cair nas graças das páginas desse livro kkkk

    fabricio-fenix2010@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chance extra- fan page no Skoob da editora novo conceito

      Excluir
  2. Este livro tem uma história bem legal e fiquei curiosa a respeito do coitado do prisioneiro, que está cumprindo pena sem ter cometido. Será que vão descobrir quem matou? Espero que sim. Vou adorar desvendar esse mistério com os repórteres investigativos. Adorei.
    elizabethmsalles@hotmail.com
    “Chance Extra – Estou participando da fan page da Editora Novo Conceito”.

    ResponderExcluir
  3. Que história bem legal e fiquei curioso a respeito do enredo. Quem matou? Espero adorar esse livro.
    layon100sim@hotmail.com
    “Chance Extra – Estou participando da fan page da Editora Novo Conceito”.

    ResponderExcluir
  4. Nunca tinha lido nenhuma resenha do livro pois de primeira ele não me chamou a atenção.
    E que bom que eu finalmente eu li a sua resenha, adoro mistérios junto com um romance bem misturado fica perfeito!!
    E com essa super recomendação sua o que posso dizer é!!EU PRECISO DESSE LIVRO *-*
    szane@hotmail.com
    Chance extra participando da Fan Page da Novo conceito

    ResponderExcluir
  5. Adoro um thriller bem tenso, quanto mais tenso, melhor! Principalmente histórias que fogem do convencional. Depois de ler sua resenha, fiquei com água na boca, louca para saborear esse livro!
    @Leila_C_S

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chance Extra – Estou participando do Twitter da Editora Novo Conceito

      Excluir
  6. Confesso que não tinha ficado interessada no livro porque achava que não ia gosta da história mais tendo romance, investigação e mistério, não tem como não desejar ler ele.
    Essa mistura junto com uma história interessante me convenceu. Já ta anotado na minha lista de desejados.
    Beijos.
    danydanizinha1@hotmail.com
    Chance Extra - Canal no Youtube da Novo Conceito

    ResponderExcluir
  7. Então.... não consigo gostar deste livro! kkkkkk
    Adoro as resenhas de vocês, mas tem algo neste livro que não me convence. Como o filme será lançado em breve, vou assisti-lo primeiro, se eu gostar leio o livro!

    bjo^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chance Extra – Estou participando do Twitter da Editora Novo Conceito

      Excluir
  8. Oi Angela, li o livro e assisti ao filme, que aliás até gostei um pouco mais do que o livro. Mas ambos não me fizeram a cabeça, mesmo estando ciente do bom trabalho realizado em ambos, não foi uma estória que me conquistou.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  9. It's appropriate time to makе а few plans for the long run and it's time to be hapρy.
    I have learn this publіsh аnd if I could I ωish tо counsеl you ѕome fascіnating іѕsuеs or suggeѕtions.
    Mаybe you cаn wгite subsеquent articles
    refеrring to thіs aгticle. I desire to learn more things avout
    it!

    my web site ... belstaff moto

    ResponderExcluir