A Profecia de Mídria - Os Mistério de Warthia #01 - Denise Flaibam


A Fantasia no Brasil não tem quase meio termo, ou é uma releitura pobre dos gringos, ou um livro criativo e tão bom que surpreende, que por sinal ainda não são muitos mas têm sido cada vez mais frequentes! A Profecia de Mídria, livro 1 da série Os Mistério de Warthia, da autora Denise Flaibam, publicado pela editora Mundo Uno entrou para lista dos bons, e dos que me surpreenderam!

Serafine Delay irá completar dezoito anos, ela vive em uma pacata vila com seus pais adotivos, e não pode ter uma vida mais comum e cética. Entretanto na sua festa de aniversário uma ataque sanguinário acaba com sua paz, e a força fugir do único lugar que conhece. Agora ela deve fugir destes monstros que querem sequestrá-la.

Mas sua estória tem mais camadas, e ela é confrontada com o seu passado e sua origem que nunca quis saber antes. Suas marcas na pele e uma profecia antiga parecem ser mais do que ela imagina, e Serafine deixa de ser uma garota comum para ser a esperança de um mundo que quer fugir das trevas.

Fui ler este livro sem qualquer expectativa, eu sabia que era uma fantasia e apenas isso, por isso fico feliz em dizer que foi uma leitura envolvente e agradável, como uma boa fantasia deve ser. Flaibam não mostra em sua narrativa seus poucos anos de idade ( ela publicou o livro com apenas dezoito anos!), já que ela foi capaz de construir um universo mágico muito criativo e bem amarrado. Sem excessos de descrição, ou lamentos por parte da jovem protagonista, ela soube dosar bem a ação e as explicações, embora eu como Serafine desejasse por mais respostas, e esta seja a falha do livro ao meu ver.

Serafine tem um perfil que me lembrou o jovem Potter, assim como ele, ela sabe que está destinada a grandes feitos, porque não há quem mais possa fazê-lo, mas ainda não é capaz de encontrar em si ou no que a cerca o poder que dizem ter. Com uma forte dose de sorte e acaso ela acaba por desenvolver um pouco de seu poder, mas ainda está muito distante de conhecer quem é, e como vai exatamente vencer uma bruxa poderosa. É muito fechada porque ter vivido seus dezoito anos se escondendo por debaixo de maquiagens, mas não sabia que suas marcas seriam sinônimo de orgulho um dia.

Quanto aos seus guardiões, primeiro temos Jarek Hargon, que é um guerreiro que não teme o perigo, menos ainda a morte. Tem um passado que esconde de sua protegida, e  o dom de tirá-la do sério. Eles passam boa parte de seus diálogos se provocando, e demoram até perceber o que isso significa. Ele é um pouco chato, não faz o típico mocinho, ao contrário, embora saiba que ela é a escolhida tem suas dúvidas por muito tempo sobre ela ser capaz de fazer o que deve, e isso faz com que a relação deles sofra.
Ývela, a outra guardiã, é uma criatura fofa, tem força e destreza no ataque, mas com uma capacidade única de ter empatia por todos que a cercam. Ela é quem acolhe Serafine nos momentos de crise, e a ajuda a enfrentar seus desafios como uma irmã mais velha. Também esconde seu passado duvidoso. São muitos os segredos neste livro! (Vi no skoob que ambos guardiões contam com um conto cada, se estes revelaram este passado, ainda não sei dizer!).

Guillian fecha o grupo de guardiões, ele é um ser peludo e orelhudo, que não sei qualificar com que criatura pareceria, mas é muito determinado em cumprir sua missão, mesmo que isso signifique 'trair' seu próprio povo. Ele forma uma boa dupla com Serafine que encontra algumas respostas sobre o mundo de Warthia com ele.

Elfos, lobisomens, bruxas, e entre outros são algumas criaturas citadas e personagens que surgem. Denise foi rica em sua mitologia, tanto do ponto de vista de seres quanto dos quatro reinos que formam Warthia. Amei como ela trabalhou a magia ligada aos elementos, digno de uma bom conhecimento pagão! A única falha como já citei foi não dizer mais sobre isso, me senti no escuro em alguns aspectos, e espero que o segundo volume A Fortaleza do Dragão traga estas respostas.



A Profecia de Mídria fez com que eu tivesse ansiedade em voltar a lê-lo, coisa que faz algumas leituras que não acontece! Esta série tem tudo para ser uma saga de respeito, com muita magia, fantasia e aquele toque encantador que faz agente querer entrar dentro do livro!


Avaliação









Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário