Fiquei com o seu número – Sophie Kinsella


Eu sou meio suspeita para falar sobre os livros da Sophie Kinsella, já que amo muito essa autora e tudo que ela escreve.  Seus livros sempre entram na minha lista de preferidos e este título não poderia ser diferente. Definitivamente me prendeu do início ao fim.
“Fiquei com o seu número” conta a história de Poppy, uma jovem que acaba de perder o seu anel de noivado valiosíssimo, que era da família de seu noivo há três gerações. E, para piorar a situação, ela acaba tendo o seu celular roubado e entrando em desespero, já que tinha dado o seu número para todas as pessoas caso achassem o seu anel. Precisando encontrar o anel o mais rápido possível, já que os pais de seu noivo voltam de viagem e ela vai ter um encontro com eles, fica aliviada ao encontrar um telefone no lixo, já que vai poder distribuir o novo número e não correr o risco de seu noivo atender ao telefone de casa e acabar descobrindo tudo.
Os pais de Magnus, Antony e Wanda, são acadêmicos e extremamente inteligentes, estão sempre escrevendo novos livros e jogando palavras cruzadas com palavras bem difíceis, fazendo com que nossa protagonista acabe se sentindo inferior a eles devido a suas conversas, totalmente voltadas para assuntos filosóficos e mais sérios, que Poppy não consegue acompanhar.
Com um novo celular, Poppy pensa não ser necessário contar para Magnus sobre o anel perdido, já que provavelmente vai conseguir recuperar a tempo. Mas o que ela não contava é que Sam, o dono do celular precisa desse número já que é o número de sua secretária e ele recebe muitos e-mails e mensagens importantes ali, uma vez que este é um celular empresarial. Poppy, com seu jeito carinhoso e atrapalhado acaba convencendo Sam por telefone mesmo a dividir o aparelho com ele por pouco tempo, passando todos os recados e e-mails para ele só até seu anel ser recuperado. E, com isso, ao longo do livro acaba se metendo mais na vida de Sam do que um dia imaginou se meter.
A história é muito cativante e nos entretém de uma maneira que só Sophie consegue fazer. Poppy é uma protagonista divertida, amável e encantadora. Nos divertimos muito com os seus pensamentos, as situações em que ela se mete e como ela tenta sair delas. O livro é narrado em primeira pessoa e os personagens são muito bem construídos, fazendo com que a gente se encante por todos eles.
A única coisa que me chateou, é que eu queria que o livro não tivesse acabado onde acabou, já que quando acontece algo que estávamos esperando o livro inteiro, a história acaba. Gostaria muito que esse livro tivesse uma continuação, pois realmente tem história para ser desenvolvida a partir da onde parou, mas infelizmente eu acho que esse é um volume único.
A capa, como todos os livros da Sophie Kinsella lançado pela Record, é maravilhosa e representa bem a história. A única coisa que pode incomodar um pouquinho quem está lendo é que as páginas são brancas ao invés de amarelas, mas mesmo assim eu considero esse lançamento perfeito.
Com uma boa dose de comédia, “Fiquei com o seu número” nos garante ótimos momentos e boas risadas. Com muita confusão, a vida da nossa protagonista não é nem um pouco parada, ou seja, sempre tem novos acontecimentos na trama com um pano de fundo leve. Recomendo essa leitura para todas as pessoas que gostam de uma boa história para passar o tempo e trazer ótimos momentos. Principalmente se você for fã de chick-lit, essa obra definitivamente tem que entrar para a sua lista de leitura o mais breve possível!
Avaliação



>> Esse post está participando do Top Comentaristas Nº 07 - FORMULÁRIO


Comente com o Facebook:

11 comentários:

  1. Já li um livro da Sophie e sempre estive querendo ler outro dela, pois adorei a primeira leitura. Acho que esse pode ser uma boa pedida! Adorei ler a sua resenha, como sempre muito bem escrita, e colocar na minha lista de leitura, hehe.

    Beijos
    www.tempestade-de-estrelas.com

    ResponderExcluir
  2. Esse livro parece ser muito legal mesmo...
    Adorei sua resenha!!!
    Vou já atrás dele por aí!
    bjinhos

    @mytchelli

    ResponderExcluir
  3. Nunca li nenhum livro da Sophie =/ Mas gostei muito desse.
    Sempre tive vontade de ler um chick lit mas ainda não tive oportunidade.
    Parabéns pela resenha. Me deixou bem interessada ^^

    Luiza Helena Vieira
    Obsession Valley

    ResponderExcluir
  4. Não fazia idéia do que esse livro tratava, normalmente acabo lendo aqui sobre alguns livros que não me atraem. Não tenho nada contra a Kinsella, eu até gostei do filme da Becky Bloom pq eu sou bem consumista, mas é algo que só pego se não tiver nadinha pra fazer. Preciso de algo que me desafiei mais na leitura, e os chick-lit acabam sendo mto simples.

    Entretanto quero ter algum livro da Kinsella, e ainda quem sabe a coleção da Bloom, por pura identificação hahahaha!

    Miquilis: Bruna Costenaro

    ResponderExcluir
  5. Acho que sou o único ser humano que nunca leu nada da Sophie Kinsella, serio... nunca li! hahaha e a Página em branco não vai me ajudar muito! Vou comprar algum livro dela pra ver se gosto pois as sinopses normalmente são muito legais!
    Gostei desse, acho até que já sei o que acontece no livro hahah em relação ao Sam? hahahah
    Adorei a resenha e que bom que posso comentar aqui de novo \o

    ResponderExcluir
  6. Eu nunca li nada da Sophie Kinsella...Maisa, você nem é a unica...kkkkk

    Eu não sei se vou gostar, mas achei a proposta interessante, então pretendo ler.

    A capa é bonitinha e parece ser muito divertido.

    Thais Vianna
    @dathais
    dathais@hotmail.com

    ResponderExcluir
  7. Eu ainda não li nenhum livro da Sophie Kinsella, mas vontade não falta! Nunca li nenhum resenha desse livro e fiquei com uma pena danada da Poppy , tadinha KKKKKKKKKK Só se lasca KKK
    Comédia? Adoro! Com certeza pretendo ler :D

    ResponderExcluir
  8. Só em ler o título já me deu vontade de comprar o livro! Ainda não li os livros dessa autora, mas ela parece ser fantástica e muitoooo engraçada! Adoro livros de comédia! Parabéns pelo post...
    Yara Werneck
    @My_Only_Reason
    yarinha101@live.com

    ResponderExcluir
  9. Ah, como eu amo chick-lit! Certamente irei adquirir este exemplar.
    Infelizmente ainda não tive oportunidade de ler nenhum livro da Sophie Kinsella, mesmo ela estando a tanto tempo na minha lista de desejados. Essa história realmente interessou e essa capa é tão fofinha. *-*
    Poppy parece ser uma personagem que vive se metendo em confusão e isto acaba gerando diversas situações engraçadas, algo que eu adoro. Ainda mais pela história do anel e da família do tal noivo que não me agradou desde a sinopse. hahahaha
    Fiquei chateada pelas folhas brancas, mas por um livro que me encantou creio que vale a pena o esforço. A Record sempre com títulos ótimos!
    Parabéns pela resenha, já que me deixou tão afim de ler este livro. *-*

    Beijos,
    Samy Aquino (@umalimonada)
    samyra.aquino@hotmail.com
    http://samyaquino.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. É uma comédia romântica para ser lida e relida (imagino). Fiquei curiosa em uma coisinha, os pais dele conversarem sobre coisas tão complexas pode ser só para diminuí-la e se esse for o caso, até imagino o que vão falar sobre a perda do anel... Tadinha... rs

    Letras & Versos

    ResponderExcluir
  11. Sou muito fã de chick-lit, mas ainda não tive oportunidade de ler algo da Sophie Kinsella (pois é, já pode me matar). Gosto muito de livros com uma narrativa mais leve, e esse tem pra dar e vender. E sem falar que deve ser mesmo divertidíssimo. Resumindo, quero lê-lo, sim!

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir