Mister O - Lauren Blakely

Nick Hammer sabe como enlouquecer uma mulher na cama e levá-la a um estado de êxtase único, e tem plena consciência disso, tanto que considera que este é o seu dom. Além do mais, sabe que é lindo, bem-sucedido, dono de um humor afiado, um trabalho sedutor e ainda por cima um coração de ouro.
Enquanto aproveita sua vida da melhor maneira e participa da criação das histórias do super-herói devasso Mister Orgasmo, seu personagem em quadrinhos que virou até um desenho animado na TV, algo inesperado acontece; ele começa a desejar Harper intensamente. Mas ela não é qualquer pessoa, não. É justamente a irmã de seu melhor amigo, de quem ele sempre prometeu se manter afastado. Porém tudo mudou quando eles trocaram um beijo e Nick passou a desejá-la. E as coisas ficam ainda piores quando eles começam a se encontrar frequentemente e ela faz uma proposta que envolve que ele lhe ensine como conquistar um homem. Depois de relutar, ele aceita, afinal é por pouco tempo e ninguém precisa saber.
Só que Harper é tudo o que Nick quer, além de uma mulher doce e completamente sexy que adora falar sacanagem e trocar mensagens para lá de picantes com ele. E quanto mais tempo passam juntos, mais aquele sentimento começa a se intensificar, resultando numa paixão ardente. E ele se dá conta de que não quer apenas fazê-la sentir o melhor prazer do mundo, mas também quer passar todo o seu tempo livre ao lado dela. Agora, Nick tem uma missão: fazer com que Harper queira e fique com ele definitivamente.
Desde que li “Big Rock”, de Lauren Blakely, em maio deste ano, fiquei encantada com a narrativa da autora e louca para ler todas as suas outras obras. Então imaginem a minha felicidade quando a Faro Editorial anunciou que o lançamento de “Mister O” seria agora e que já comprou os direitos de outros títulos da autora para o ano que vem?! Se você busca tramas narradas por protagonistas masculinos divertidos, recomendo muito que conheçam um dos livros dessa autora!
Quem leu “Big Rock” deve se lembrar do Nick, que teve algumas participações na trama, já que é um grande amigo de Spencer, protagonista daquele livro. Os dois exemplares não são considerados parte de uma série, mas eu não entendo o motivo, visto que os personagens transitam entre os dois volumes.
Nick é um protagonista carismático, divertido e fofo, que sabe muito bem como levar uma mulher ao orgasmo enquanto vive uma experiência maravilhosa e única. Ele é muito seguro de si e de seu potencial na cama, o que acaba soando um pouco arrogante em diversos momentos.  E, claro, se gaba muito desse seu superpoder. E, aliás, escreve uma história em quadrinhos com um personagem super-herói que vive aventuras para salvar e proporcionar orgasmos às mulheres, o Mister O.
Ao mesmo tempo em que ele é esse homem todo autoconfiante e famoso, não sabe muito bem como lidar com seus sentimentos e nem entende tão bem assim as mulheres fora da cama. Mesmo que ele não perceba isso, eu percebi claramente, afinal algumas coisas eram bem evidentes; diretas e completamente “na cara”, e ele não reparava! Além do mais, Nick é um pouco dramático e inseguro com relação a emoções, e por isso mesmo se distingue de grande parte dos personagens masculinos de romances.
Harper é adorável e tem um jeitinho todo dela, sendo sexy e inocente ao mesmo tempo. A gente conhece a personagem de maneira um pouco mais superficial, já que tudo o que sabemos dela vem através do olhar de Nick, do que o mesmo pensa sobre ela e de como a vê, tornando-a alguém mais idealizada do que real na maioria do tempo.
Para mim, Harper era bem óbvia com relação a seus sentimentos por Nick e até agora não entendo como ele pode ter demorado tanto a perceber isso. Ou melhor, não entendo como ninguém abriu os olhos dele para essa situação tão óbvia, porque sei que algumas pessoas são simplesmente desligadas demais quando alguém gosta delas, mas dá para notar quando se está de fora da situação. As vezes isso soava engraçado, em outras, cansativo.
Esses dois juntos eram pura safadeza, troca de mensagens sacanas e comentários ousados. Quem curte uma relação tão direta assim, vai se identificar com eles. E os sentimentos mais profundos foram se intensificando conforme eles se envolviam fisicamente e se tornavam muito íntimos.
Para quem curte cenas quentes, este livro é repleto delas. Não posso dizer que realmente adore essas partes, porque confesso que já enjoei de sempre ler coisas semelhantes. Para quem é como eu, dá para pulá-las sem estragar o enredo, até porque a trama seria completa sem tantas cenas de sexo, e para quem gosta, mergulhe com tudo, porque a autora não deixa a desejar – ou, na verdade, deixa. 
A escrita de Lauren Blakely é leve, descontraída e divertida. Seus personagens são bem construídos, donos de diálogos inteligentes e comentários sarcásticos. A narrativa é fluida, daquele tipo que a gente começa a ler, não sente e nem vê o tempo passar, e a trama é muito gostosa e envolvente.
Algo que achei muito bacana é que ambos os personagens fogem dos estereótipos que encontramos por aí na maioria dos livros do gênero. Nick tem, sim, bastante dinheiro. Só que não porque nasceu numa família podre de rica e tinha tudo de mão beijada. Ele batalhou criando suas histórias em quadrinho e fazendo sucesso com elas, passando até por momentos mais complicados até chegar ao patamar em que se encontra. A mesma coisa com sua aparência, nem sempre ele foi aquele garoto lindo e popular com quem todas as garotas do universo queriam ir para a cama, ele malhou, se desenvolveu e se tornou esse alguém, mas foi não pura e simplesmente uma genética boa.
E Harper trabalha como mágica, fazendo festas infantis ou outros eventos, sempre buscando fazer as crianças e outras pessoas sorrirem e serem felizes. E os dois estão nestas profissões porque gostam e porque querem, mesmo que passem por momentos difíceis ou tenham que ouvir outras pessoas fazendo comentários, nem sempre positivos, sobre seus trabalhos e vidas. E isso é realmente muito lindo e inspirador. Achei fofo e bem mais real do que livros com personagens bem definidos e ricos.
Recomendo bastante “Mister O” para aqueles que curtem romances eróticos com um toque bem sensual e muitas cenas quentes, e que também possuem uma trama sólida, envolvente, gostosa e leve. E, com um protagonista engraçado e sarcástico como Nick narrando tudo em primeira pessoa, é diversão garantida da primeira à última página.
Avaliação



Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. Adorei "Big Rock" dessa mesma autora, morri de rir.Quero muito esse livro! O Nick apareceu pouco em Big Rock, fico feliz que vai tem um livro só dele.

    ResponderExcluir
  2. Eu estou doida pra ler esse livro! Eu já li o livro Big Rock, e simplesmente amei o livro. E estou imaginando que esse livro é tão bom quanto ele!
    Essa história parece ser ótima, mas acho que o que mais vou gostar no livro, são os personagens. Achei eles bem diferentes mesmo, e devo me apaixonar pelos dois <3
    Com certeza o livro já está na minha lista, espero gostar bastante dele também =)

    Bjss ^^

    ResponderExcluir