O Amor nunca diz adeus – Amadeu Ribeiro


O livro começa com uma história simples e típica de uma classe média baixa com seus problemas de emprego. Conhecemos Natalia, loira, bonita e cheia de qualidades para a visão de um homem, só vamos conhecer sua essência no decorrer da trama, pela base de amor recebido de sua mãe. Ela fica triste, pois perdeu o emprego e não consegue arrumar outro. De repente, sem entender, alguém a chama para uma entrevista em um lugar que nunca havia deixado o currículo, é admitida e vê sua vida totalmente transformada. Tudo de bom começa a acontecer para ela.
Romances mediúnicos sempre acabam nos passando uma mensagem de vida muito boa, pois são caminhos que percorremos e o que fazemos no momento que estamos aqui, e o agora já vem entrelaçado ao que fomos e ao que almejamos para o nosso prospecto. Somos reflexo do que fomos um dia, e alguns acreditam que não estamos aqui por estar, outros acreditam que sim. Eu acredito que o universo conspira para nosso progresso espiritual. Muitas vezes, ao ler esse tipo de obra, como foi o caso desse livro, passamos a refletir bastante sobre isso.
O romance não tem aquele aprofundamento típico de romances mediúnicos, e no meio do livro já encontramos explicações. A história fica com mais emoção quando começam esses esclarecimentos.
Quando a Natalia conheceu Yuri, acho que foi meio forçado, pois ele era noivo e estava prestes a casar e mal a conhecendo já largou tudo por ela. Com isso, é claro que sua noiva fica revoltada e apronta de tudo para separar os “recentes pombinhos”. Algumas de suas investidas dão certo e ela quase acaba conseguindo casar com ele mesmo.
Mas, como tudo foi muito rápido, o livro mostra que Yuri é bem confuso, pois sempre cai na conversa errada. Será que ele não via antes que a noiva não era legal? Depois acabamos encontrando a resposta para esse questionamento. E, através da pós-vida, sabemos que esses personagens tiveram suas vidas entrelaçadas no passado e, atualmente, voltaram para os acertos. Os motivos pelos quais Yuri nessa vida se apaixonou imediatamente por Natalia estão explicados no livro, fazendo com que a gente consiga entender melhor essa história.
A capa do livro é bem bonita e sugestiva. E a diagramação está linda, cada capítulo apresenta o negativo da foto da capa, e as letras são grandes e espaçadas, o que facilita na hora da leitura.
Eu nunca tinha lido nada desse autor, mas gostei bastante de sua forma de escrita, principalmente porque ele nos conta como começou a escrever, inclusive como ficou encantado com o livro “Espinhos do Tempo” de Zibia Gasparetto (uma de minhas autoras mediúnicas preferidas), e com os ensinamentos que ali continha. A partir daí, passou a fazer um curso para jovens na Federação Espírita de SP. Com isso, e sem explicações, começou a digitar nomes e criou essa história, ou seja, ele teve uma ajuda espiritual para desenvolver esse lindo título. A trama começa com um conteúdo simples, mas com muita profundidade, fazendo nossa alma fortalecer a crença da reencarnação, tudo relatado e vivido ali tem uma simplicidade singular, fácil de ser entendido e admirado.  
Por tudo que foi escrito acima, eu super recomendo essa leitura para todo mundo, pois o autor soube como conduzir uma linda trajetória cheia de altos e baixos, que tocam nosso coração.
Avaliação



>> Esse post está participando do Top Comentaristas Nº 09 FORMULÁRIO


Comente com o Facebook:

12 comentários:

  1. Já li muitas resenhas sobre esse livro e a maioria disse que ele é meio sem sal =X Também achei um pouco forçado o fato do Yuri largar tudo por um amor meio que do nada né!!Mas mesmo assim morro de vontade de lê-lo,tenho a impressão que vou me emocionar com ele *-* Essa capa é maravilhosa *-* Tbm gosto muito da Zíbia Gasparetto Minha preferida tbm =)

    Bjus

    ResponderExcluir
  2. Ta aí um livro que se olhasse a capa não leria, mas depois da sua resenha qt a temática mediúnica já passou para minha lista de compras!
    Adoro romances mediúnicos, embora eu seja voltada não para os água com açúcar como os da Zibia, e curta coisas mais 'punks' como Robson Pinheiro.

    Então mais um para lista, boa resenha!

    ResponderExcluir
  3. Uma história tocante, onde os personagens vão crescendo e percebendo seus erros, reconhecendo suas fraquezas e partem em busca da reparação de tanta tristeza.
    Já li livros bons dessa editora, mas O amor nunca diz adeus foi o mais lindo até agora! É uma história linda, cheia de histórias paralelas emocionantes, onde, ao fim, descobrimos os motivos de tais pessoas estarem na vida uma da outra. Amei a capa, tem tudo a ver :D

    ResponderExcluir
  4. Me parece bem simples e não me interessou, pelo tom mediúnico...

    Luciana M.

    ResponderExcluir
  5. Não li nada ainda com esse enredo mediúnico, então não posso falar muito muito a respeito do estilo. Gostei da capa, e com certeza tem uma bela lição na história, mas não seria um livro que eu leria nesse momento.

    ResponderExcluir
  6. Eu não conhecia o livro nem o autor, mas talvez seja porque eu não sou chegada a ler livros mediúnicos.
    Eu achei a capa linda, e sua resenha bem clara. Mas é um livro que eu não senti empolgação para ler.

    Beijos
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  7. Interessante essa temática mediúnica, e adoro quando vem com romance junto. Faz a gente pensar que tudo na vida tem um propósito e que não é passageiro. Já tinha visto esse livro em outro blog e fiquei super interessada. =D
    bjs

    ResponderExcluir
  8. Diferente esse livro... parece que não é psicografado, pelo que entendi... Não tem nada na capa e pelo que você descreveu parece que algumas coisas surgiram na cabeça dele, e aí ele juntou tudo numa história, né?

    Parece ser uma boa história, fiquei com vontade de ler para descobrir o motivo do amor à primeira vista entre Natalia e Yuri.

    ResponderExcluir
  9. Achei a capa linda *-* já me interessei por ai. Mas eu acho que vou gostar muito do livro, me agrade o fato dele abordar essas questões de vidas passadas, de almas que tem uma ligação que vem passando por várias vidas, apesar não ser espírita, sou católica, eu acredito que nossas almas sempre passam a viver outras vidas no pós morte. Achei a estória bem fofa. E não me surpreende que o Yuri não conheça o real caráter da namorada, afinal os homens nunca percebem de verdade as coisas, acho que eles não são tão detalhistas quando nós.
    beijos

    ResponderExcluir
  10. Nao conhecia o livro, mas assim q bati o olho nele aqui ja sabia q ia querer ler... pela capa eu percebi q é ROMANCE e com isso ja me ganhou, me deixando curiosa...
    Pelo q vc falou eu achei q o inicio pode ser bem arrastado, mas depois ele melhora e eu fiquei com muita vontade d ler...
    Vou add na minha lista agora e procurar por ele...

    Acho q a estoria vai me agradar e eu adorei a capa!!!
    *-*

    Bjinhoos

    ResponderExcluir
  11. Parece interessante e a capa é bonita, mas não me atraiu muito. Quem sabe mais pra frente.

    Thais Vianna
    @dathais

    ResponderExcluir
  12. Eu quero baixar o livro, alguém tem para me enviar ou pode me mandar o link? debora_araujo_sousa@hotmail.com

    ResponderExcluir