Eu acho que amo você - Allison Pearson

Quando vi este livro pela primeira vez, fiquei muito encantada pela capa que conseguiu me chamar bastante atenção com suas cores e a ilustração de um disco de vinil. Após ler a sinopse, fique bastante empolgada com a história e assim que consegui ter o livro em mãos comecei a leitura. Agora venho compartilhar com vocês as minhas opiniões a respeito desta obra escrita por Allison Pearson.
Nesta história, vemos que na década de setenta, Petra Williams, uma adolescente de treze anos, era viciada em um astro pop chamado David Cassidy. Ela, assim como sua melhor amiga, Sharon, colecionavam tudo que se pode imaginar que tinha relação com ele, coisas como revistas, jornais, discos, etc., sonhando em um dia poder se encontrar com ele. David era muito famoso e, com isso, fazia todas as meninas desta idade morrerem de amor por ele, tendo várias fãs e uma revista de nome “Tudo sobre David Cassidy” onde jornalistas escreviam como ele, para promovê-lo.
Agora aos 38 anos, Petra é mãe de uma adolescente e está enfrentando um divórcio, e praticamente já se esqueceu do seu passado e do seu amor pelo astro de música David Cassidy. Ao revirar as coisas da casa da sua mãe, nossa protagonista acha uma carta que pode mudar toda a sua vida, já que é uma carta a parabenizando por ganhar o concurso para conhecer o cantor David.
Nossa protagonista então liga para a editora da antiga revista, perguntando se ela e sua amiga podem reaver esse prêmio, mesmo muito tempo depois, e, para sua surpresa, eles acabam aceitando o seu pedido. Nossa personagem principal, então, junto de sua amiga e de Bill (o chefe da editora), vão para Las Vegas com tudo pago para realizar um sonho de adolescente.
Este livro é muito fofo, tem uma história incrível, além de leve e super divertida. Uma curiosidade que algumas pessoas podem não saber (eu também não sabia) é que David Cassidy realmente existiu, ou seja, ele era um cantor na década de setenta, e a autora, que o adorava na época, escreveu um livro pensando nesta situação, misturando um pouco do real com o imaginário.
O livro tem uma mistura de narrativas, já que em um pedaço encontramos primeira pessoa, e em outro terceira pessoa, etc. Essa mistura ficou bem legal, já que se adequou bem ao contexto do livro, sendo que cada parte, pedia um tipo de narrativa. Gostei bastante de como a autora desenvolveu a história, pois o livro conseguiu nos encantar e prender e de uma maneira que era quase impossível largar antes de chegar ao fim.
Com toda uma linguagem rápida e descontraída, encontramos neste volume um livro bem fluido, gostoso e com uma história deliciosa, já que todo mundo (ou pelo menos a maioria) já sonhou em se encontrar com um ídolo que tivemos em alguma parte de nossas vidas.
A capa, como falei no início da resenha, é adorável, e a diagramação deste livro está ótima, sendo que o tamanho da fonte, assim como o espaçamento entre as palavras, está perfeito, fazendo com que a gente consiga ler por mais tempo, sem cansar a vista.

Recomendo esta leitura para todas as pessoas que gostem de um livro leve, divertido e que consegue nos encantar com uma história fofa que nos prende desde o início até chegar à última página, com uma narrativa rápida e gostosa.
Avaliação



Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. HA!!! Que fofo! rsrsrsrsrrs
    Eu não conhecia este livro, mas fiquei com vontade de lê-lo! Adorei o enredo, e é verdade... todo mundo pensa em encontrar seu ídolo, eu surtaria se encontrasse o Vin ou o Ian! aiai... <3 rsrsrsrsr

    bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  2. Queria ler esse livro a tempos hahaha parece ser muito divertido e fofo,
    espero gostar bastante.
    Sua resenha ficou ótima viu?

    Beijoooos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/2014/03/resenha-do-outro-lado-do-muro-marisa.html
    Cooomente

    ResponderExcluir