Marca do Caos - Marked #03 - Sylvia Day

Desde que li o primeiro volume desta série, me encantei pela história e pela forma de narrativa de Sylvia Day, que consegue nos prender do início ao fim com uma leitura cativante e bem gotosa. Como virei uma viciada em “Marked”, assim que pego um novo exemplar da série em mãos, tento ler rapidamente, e, sempre que chego ao fim, fico com um gostinho de quero mais. Vou tentar não dar nenhum spoiler, mas por esse volume ser mais avançado, pode ser que tenha algo dos livros anteriores.
Para conferir o que achei de “Marca da Escuridão” e “Marca da Destruição”, primeiro e segundo volumes da série, clique nos títulos e será redirecionado para as respectivas resenhas.
Neste terceiro livro, vemos que Evangeline ainda tenta conciliar a sua vida de marcada com a sua vida normal, mas ainda está bem difícil, mesmo tendo passado três meses desde que ela descobriu esse novo mundo. Para completar as coisas, Abel e Caim ainda estão desejando fortemente Eva, mas agora eles não são os únicos, já que ela conseguiu chamar a atenção do Satanás, deixando as coisas ainda mais perigosas. Para completar, os pais de Caim e Abel resolvem vir visitar a Terra, até mesmo para a ajudar Caim a lidar com as mudanças que ele está passando no momento, e isso acaba trazendo mais mistérios à tona e muita confusão.
Com um prêmio pela cabeça de Evangeline, o inferno inteiro está à procura de nossa protagonista, até porque todos os demônios querem agradar a chefia, fazendo com que ela não tenha uma vida fácil, já que toda hora tem que lutar sem descanso contra os demônios e ainda precisa tentar se focar em sua indecisão. Esse volume está com bastante ação, fazendo com que a trama não fique parada nem por um segundo, até porque toda hora nossa protagonista entra em algum tipo de conflito, trazendo uma aventura completa e cheia de lutas.
A autora conseguiu misturar passagens bíblicas na história, trazendo a versão de Caim e Abel que lemos nas bíblias, fazendo com que o enredo fique ainda mais interessante, já que mistura fatos. Gosto bastante quando um autor consegue fazer isso, já que demonstra o trabalho que teve em fazer pesquisas para trazer um livro bem escrito e com muito cuidado para nós, leitores, ao trazer essa questão mitológica.
Com uma narrativa leve, fluida e descontraída, temos momentos bem sensuais, além de muitos segredos, mistérios e mentiras, deixando a trama cada vez mais envolvente, fazendo com que a gente não consiga parar e ler nem por um segundo.
O livro continua sendo narrado em terceira pessoa, o que é bem legal, já que assim conseguimos ter uma ampla percepção de tudo o que está ocorrendo com todos os personagens principais, nos dando uma melhor perspectiva da história e fazendo com que a gente consiga entender tudo que está se passando com todos eles.
Os personagens continuam ótimos, cada um com o seu jeito de ser, nos conquistando em todos os momentos. Eu tenho o meu preferido neste triângulo amoroso e no final da série conto para vocês qual é. O final foi surpreendente e preciso muito da continuação para saber o que vai acontecer.
A capa segue um padrão semelhante com as anteriores e eu gosto dela, ainda mais da edição impressa, que conta com acabamento soft touch (textura aveludada), e purpurina no trecho “Marca do”. A diagramação do texto está confortável para uma leitura fácil, e cada início de capítulo há um detalhe gráfico enfeitando a página. As folhas são amarelas.
Recomendo a série “Marked” para todo mundo que está em busca de uma história bem envolvente, que consegue te conquistar em todos os momentos com personagens incríveis, uma trama bem sensual com cenas mais quentes de tirar o fôlego, além de ter muita ação, mentiras e mistérios. Além do mais, narrativa de Sylvia Day continua cativante e prazerosa em todos os momentos.
Avaliação



Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário