Sob a Luz da Lua – Nightshade Vol. 1 – Andrea Cremer


Em “Sob a Luz da Lua” conhecemos mais sobre Calla Thor, metade lobo, metade humana, que é a alfa de sua alcateia, Nightshade, e que em breve se unirá ao alfa da alcateia Bane, Renier Laroche. Essa união está prevista desde o nascimento dos dois pois agora eles precisam criar uma nova matilha para proteger os Defensores, feiticeiros a quem devem obediência.
A nova matilha, composta pelos dois alfas e os outros membros de cada uma das alcateias, tem data certa para acontecer durante um ritual onde os dois alfas irão se casar, unindo-se para sempre.
Tudo estava correndo como o esperado até que Cal salva a vida de um humano, infringindo todas as regras e correndo, portanto, risco de vida. E o pior ainda está por vir. Calla se envolve com o humano em questão, Shay, e passa a duvidar e se questionar sobre suas origens e seu destino, além de fazer uma coisa que estava totalmente proibida: revelar os segredos de sua espécie para alguém de fora. Calla fica cada vez mais encrencada. Será que Shay vale tudo isso?
No meio dessa confusão toda, Calla fica dividida entre o que sente por Shay e o que sente por Ren. Com quem ela deve ficar? Deve seguir seu coração, quando nem ele próprio sabe por quem bate mais forte? Deve dar as costas para tudo o que conhece ou deve seguir em frente com tudo o que foi planejado para sua vida desde sempre?
Quando estava na metade do livro pensei em dar quatro casinhas, pois a história é regada de machismo, abuso de poder (principalmente as barbaridades que os Defensores fazem) e preconceito, e também pelo fato de Calla mudar de opinião só por causa de um agrado do sexo masculino. Mas a história do livro todo é tão boa, envolvente e misteriosa, que não pude deixar de dar as 5 casinhas. Não entrou para os meus favoritos por causa desses detalhes, mas com certeza vale cada casinha que recebeu na minha resenha.
Mas, apesar de não ter gostado das partes que citei acima, eu entendo os motivos pelos quais elas fizeram parte da história, até porque todos têm ideais [mesmo que eu não concorde com nenhum do caso] e nem todo mundo é bonzinho sempre.
Ainda não sei para qual dos dois – Shay ou Ren – estou torcendo para que fique com Calla, apesar que um deles tem um pouquinho de vantagem sobre o outro no meu ponto de vista [que não vou revelar para vocês, claro!]. Mas posso dizer que ambos são fofos com ela e mereceram minha atenção.
Achei as relações entre os personagens bem desenvolvidas. Gostei muito de vários integrantes de cada matilha, principalmente da Nightshade, que é a de Calla. Os personagens secundários que eu mais gostei mesmo foram Ansel, o irmão mais novo da protagonista e Bryn, a lobo beta de Calla [aquela que ficaria em seu lugar caso algo acontecesse]. A amizade deles também é bem evidente.
Andrea sabe criar uma história fascinante, que me deixou tensa em muitas passagens, querendo saber mais e mais a cada página virada. Li o livro bem rápido e se tivesse mais teria lido direto, sem nem pestanejar.
A narrativa de Cremer foi muito bem planejada e as explicações foram desenvolvidas de uma maneira suave, não deixando-nos saturados de informações de uma forma pesada, que pudesse prejudicar a leitura. Talvez por ela ser Ph.D. em História os detalhes sobre as descobertas de Calla foram minuciosos, o que me deixou fascinada, já que foi feito de uma maneira amena e acabou despertando mais ainda minha curiosidade.
Quando fui chegando nas últimas páginas, não consegui largar o livro até terminar. Muita ação, muita coisa acontecendo, e eu PRECISANDO saber de tudo. É claro que, por ser o primeiro volume de uma trilogia, não temos todas as respostas para as dúvidas lançadas neste livro. Pelo contrário, só temos perguntas sobre a vida de Calla, e insinuações do que pode ser verdade ou mentira sobre o que ela sabe sobre a origem dos lobos, suas crenças e seus costumes.
Nem preciso dizer que o livro acabou de uma maneira: “OMG! Preciso do próximo volume AGORA!”. Uma pena que ainda vai demorar para ser lançado aqui no Brasil, já que Nightshade acaba de chegar às livrarias nacionais.
A capa é maravilhosa e fico feliz que a Galera tenha escolhido essa versão da original para ser adaptada para o Brasil, porque é de longe a mais bonita. Além disso, o detalhe em verniz localizado da gota de sangue escorrendo da palavra “Lua” é super legal. O dourado na parte de dentro da capa é lindo. Só a diagramação que não é ruim, mas também não tem nada demais. Uma curiosidade – que não vai mudar em nada na vida de vocês, mas relevem – é que eu pensei que o livro fosse beeem menor, e me assustei quando tive ele em mãos, tem 458 páginas, o que eu adorei.
Só para ressaltar, o livro está mais do que recomendado. Principalmente se você gosta de YA sobrenatural, com ação, romance e magia na medida certa, além de personagens fortes e marcantes, e com um enredo bem diferente, apesar de tratar de um tema bem difundido atualmente.
 Avaliação


Comente com o Facebook:

19 comentários:

  1. Bem, a capa é linda, e se não me engano, esse é primeiro livro que vejo que a protagonista faz parte de uma alcateia..
    Parece interessante, e me bate uma curiosidade acerca do livro, rrs rrs.
    Gostei muito da resenha e não pude hesitar de ir até ao google e saber mais sobre a trilogia (:
    Você comentou aqui, de uma forma intrigante e me fez querer ainda mais, do que eu já estou, o livro...
    Bem, acho que vou ter de comprá-lo logo, rrs rrs.

    Beijos.
    Até mais,

    Débora.

    Quando puder, te convido a dar uma passadinha no meu blog (:
    enfimdeasasabertas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. A capa é bem bonita mesmo!
    A história parece ser bem diferente e interessanta, mas, ainda assim não é um gênero que eu goste.
    A resenha ficou boa, mas o livro não me agrada!
    Estou em uma fase que quero ler mais livros fofos e românticos... hahaha
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. PRECISO! Todos os blogs falaram MUITO bem desse livro, não me lembro de algum ter dado menos que "cinco"! E é um gênero que eu gosto muito. Ano que vem esse livro me aguarda! :))
    Ah! A capa é maravilhosa! A única desvantagem de pegar a capa original, é que em toda a série você tem que seguir o padrão da capa lançado lá fora. Nem sempre a imagem das sequências vão ser maravilhosas como o primeiro.
    Adorei a resenha!
    Bgs!

    ResponderExcluir
  4. AAAAAAA, ótima resenha! estou tipo super ansiosa para ler esse livro, a capa me deixou totalmente apaixonada pelo livro. kkkkkkkk' brincadeira, nunca julgo o livro pela capa, mas se a capa for bonita sempre chama a atenção não é?? xD kkkk' eu queeeeroooo!
    Beijos,
    Gabi.

    ResponderExcluir
  5. Engraçado que esses livros sobrenaturais, a maioria dos personagens é metade uma coisa..lobo, bruxa, vamp, dragão... O começo da sa resenha, me lembrou o filme sangue e chocolate rs. As vezes não gostamos de certas partes da história, mas elas até que fazem sentindo né..É ruim quando há uma batalha de fofos, ficamos na dúvida qual gostamos mais. Você gostou mesmo, ele quase chegou a ser um favorito..YA sobrenatural, se eu gosto..imagina rs..A capa é muito bonita, a editora sempre com suas capas lindas!

    Beijinhos querida!

    ResponderExcluir
  6. Acho a capa do livro linda. Nao tinha prestado atencao na gota de sangue saindo da palavra Lua.
    Preciso muito desse livro e vou precisar dos proximos tambem. rs.
    Adorei sua resenha, bem detalhada, sem conter spoilers.
    Obrigada pela dica.

    bjs.

    http://booksandmuchmore.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Aaah que lindo! :') Primeira resenha do livro que eu li e adorei! Tô louca por esse livro desde que vi a capa, que realmente é linda linda! E depois que li o primeiro capítulo disponibilizado é um dos que "eu preciso AGORA!" hahaha Na verdade, é meio complicado um triângulo amoroso quando 2 lados são fofos né?! Isso é difícil... Achei que ficaria mais centrado no que ela 'sentiu' com o Shay, mas acho que dessa maneira fica menos 'evidente' as coisas né?! Ainda estou empolgada para ler a história :')
    Beijos :*

    ResponderExcluir
  8. ain meeu deeeeeeeeeeeuuus eu PRECISO TANTO ler esse livro! acho que de todos os lançamentos que andam roland é o qe eu mais quero ler!
    que bom que pelo visto vale a pena!

    Beijoos
    Cabelos ao Vento

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Achei este livro maravilhoso e que capa mais linda!! eu adorei, eu quero ele!! bjinhos

    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. Adorei a resenha, pelo o que você disse acho que vou gostar desse livro por ter personagens bem desenvolvidos e um controle de fluxo de informações muito bom da parte da autora.
    Mas eu só começo uma série/trilogia quando todos os volumes já foram lançados no Brasil para não ficar ansiosa, tipo, " OMG, OMG! Preciso saber o resto."

    @sophia_samhan

    Bjs!

    ResponderExcluir
  11. Eu ainda não li, to curiooosa!!!
    Quero saber com quem Calla fica, quero conhecer todos da matilha!!
    Por enquanto vou só curtir sua resenha!!!
    bjkassss

    ResponderExcluir
  12. Para ser sincera, não tinha muito interesse por esse livro, mas depois dessa resenha acho que ele realmente vale a pena. Você consegui conquistar o leitor com suas colocação, tem elogios que não encontro em outras resenha no blog (sempre acho elas muito sinceras, logo , repito que o livro deve de fato ser muito bom!) Fiquei muito curiosa para conferir, amo romance um misto de ação e magia.
    Me conquistou! Não sei mais o que faço com tanto livros bons para ler x.x


    :*

    ResponderExcluir
  13. Esse livro tem uma capa linda, o que é bastante comum nos livros lançados pela Galera Record.
    Ultimamente vários livros que tem o sobrenatural como tema e o já conhecido triângulo amoroso vem sendo lançados no Brasil.
    O lado bom disso é que a maioria desses livros são bons. Sob a Luz da Lua parece ser muito bom também.
    Esse negócio da protagonista ser metade lobo e metade humana e ainda por cima ser a alfa de sua alcateia fez com que eu me interessasse muito pela história. A dúvida entre torcer para Shay ou Ren deve ser grande. É sempre interessante escolher para quem torcer quando a história tem um triângulo amoroso, por mais que isso seja um tema já batido.
    Enfim, é muito bom quando não conseguimos largar um livro antes de terminar de lê-lo, só isso já mostra o quanto a história vale a pena.

    ResponderExcluir
  14. a capa é muito boa e me empolguei com a resenha...amo histórias assim que misturam o sobrenatural, romance e fogem do habitual.

    ResponderExcluir
  15. Bem, eu me apaixonei pela capa desde a primeira vista, mas até um certo tempo atrás eu tinha um certo... digamos, "preconceito" em relação a lobisomens. ú.u Mas eu li algumas resenhas de alguns livros de lobisomens que me fizeram mudar essa visão que tinha. Adorei a resenha,este certamente é um livro que eu vou ler futuramente. =]

    Beijos!
    (@likepinkandblue)

    ResponderExcluir
  16. Confesso que Sob a Luz da Lua não estava na minha lista por se tratar de lobos, mas com a resenha mudei completamente de ideia e agora passarei a desejar esse livro! Afinal, tudo o que é bem escrito e difundido, com muito mistério e ação vale a atenção! ;)
    Mal posso esperar para poder lê-lo!

    xx

    Only The Strong Survive

    ResponderExcluir
  17. Olha, eu não gosto de lobos/lobisomens. Mas quero dar uma chance à este. Todas as resenhas que vejo estão dando uma nota positiva, então acho que vale a pena. <3

    ResponderExcluir
  18. EU QUERO TANTOOOO ESTE LIVRO :]
    eu tenho um gostinho por livros assim :3
    fico só iamginando quando o terei em minhas maos, oh!!!
    adorei demais a sua resenha e mais ainda o lviro
    abraços

    e que capa *...*

    ResponderExcluir