Qual seu número? - Karyn Bosnak


10,5. Essa é a média de homens com quem uma mulher de 30 anos já foi para a cama de acordo com uma pesquisa publicada em um jornal. Mas Delilah já tem quase o dobro desse número no seu histórico: ela já dormiu com 19 homens. Desespero é o que ela sentiu quando descobriu esses dados, então resolveu que o 20º homem com quem ela se deitaria seria “O cara”. Até que uma coisa acontece e ela desperdiça seu número 20 com a pior pessoa que poderia esperar [não posso contar, leiam para saber quem é!].
E agora, o que Delilah poderia fazer? É aí que ela tem a brilhante – e louca – ideia de procurar o homem certo entre os 19 anteriores, assim não passa do seu número 20. Mas para isso ela precisa viajar pelo país à procura de todos eles para ver o que acontece e descobrir quem é o homem da sua vida, e assim reconquistá-lo.
Para início de conversa, uma protagonista que mal começa a contar a história da sua vida se apresentando da maneira a seguir, você já percebe que menos do que hilário esse livro não pode ser.

“Meu nome é Delilah Darling. Tenho 29 anos. Sou solteira, e, bem... sou uma mulher fácil. Pronto, falei. Sou fácil. Sou mesmo. Agora você já sabe.”

Quando eu leio um livro, geralmente demoro alguns dias antes de fazer a resenha. Não sei se para me situar melhor na história, ou refletir sobre cada sentimento que tive ao lê-la para enfim transmitir tudo a vocês. Mas nesse caso sinto algo diferente, sinto que preciso colocar no “papel” (acho que seria melhor utilizar a palavra “computador”, mas, velhos hábitos...) agora tudo o que estou sentindo, apenas alguns segundos depois de ler a última palavra de “Qual seu número?”.
Dentre tantas qualidades que poderiam ser utilizadas para defini-lo, acho que a que se sobressai um pouco mais do que as demais é diversão. O livro é divertido da primeira até a última folha. E como um bom Chick-Lit, o final é maravilhoso. E eu, uma boa amante de histórias com finais fofos e felizes como sou, não preciso nem comentar que simplesmente AMEI, e ainda estou sorrindo lembrando das últimas páginas, e – por que não – do livro inteiro.
Delilah é uma mulher independente e super engraçada! Me diverti horrores lendo cada situação pela qual ela passou. Sério, teve vezes em que eu ficava imaginando que algo aconteceria de um jeito, e de repente uma situação ou frase bizarra e/ou cômica acontecia para me levar às gargalhadas de uma forma tão rápida quanto piscar.
O casal principal é super fofo, nada de meloso e qualquer coisa do tipo. Apenas um tipo normal e apaixonante, como qualquer história de amor usual poderia ser. Colin não é o mocinho estilo príncipe encantado que vemos em alguns livros e que sabemos que quase não existe por aí, ele é um homem com defeitos e qualidades, que me fez suspirar em toda e qualquer página em que “aparecia”, mas que também é real [ou quase, já que não passa de um personagem].
Gostei da maneira que os ex de Delilah eram apresentados ao leitor. Essa apresentação antecedia os encontros trazendo um breve relato de como foi o caso de “amor” entre nossa protagonista e o ex da vez, de uma maneira sutil que nos envolvia sem ser chata e cansativa, e ajudou a nos sintonizar com o personagem para não ficar “jogado” ou sem explicações cabíveis.  
"É engraçado perceber a velocidade com que coisas podem mudar. Sentimentos, não importa o quão sejam intensos, podem ser efêmeros."
Karyn Bosnak tem criatividade de sobra, já que mesmo com 414 páginas a história não fica sem graça nem monótona por nenhum momento. Não tem aquele ponto que queremos pular, não tem uma coisa que Delilah faça que dê vontade de bater nela por ser tão estúpida, porque ela não é [tá que algumas vezes ela fez umas loucuras, mas relevem, foram engraçadas!]. Tudo acontece rapidamente, mas ao mesmo tempo com uma riqueza de detalhes confortante.
Tem um diálogo maravilhoso de Delilah com seu avô entre as páginas 389 e 391 que vale a pena ser conferido. Como eu não posso transcrevê-lo aqui, selecionei dois quotes que gostei bastante pra vocês lerem, mas claro que fica muito melhor no contexto – do livro ou da nossa vida – então se tiverem a oportunidade, deem uma lida.
“Tudo o que você faz na vida, seja bom ou ruim, faz de você quem você é. Não fique remoendo suas decisões, dizendo “talvez”. Você não pode mudá-las.”
“Se você tiver que se lembrar de algo em relação ao seu passado, procure pensar nos pontos bons. Afinal, não há nada que você possa fazer para mudá-lo.”
Quando estava no fim da leitura, fui dar uma olhada no trailer do filme mais uma vez [eu li antes de ver o filme, que ainda não assisti até agora], e, como já era de se esperar, não tem nada a ver com o livro. Nada! Ao menos pelo que vi no trailer. Como ela decide ir atrás dos ex, como é seu encontro com eles, até a roupa que ela usa para ir ao casamento de sua irmã não tem nada a ver. Pior, até o nome dela foi modificado. Não estou dizendo que não quero ver o filme e nem nada do tipo, porque eu também amei o trailer e tenho certeza de que vou amar o filme [se seguir a essência mostrada no trailer, sim], mas vou passar a olhá-lo com outros olhos, sem comparar um ao outro, se não infelizmente não vou gostar do filme, e quero gostar [surgiu até um certo arrependimento de não ter assistido antes de ler, mas enfim].
Só não entendo porque os estúdios adoram modificar tanto os livros quando eles são adaptados aos cinemas, porque dava para pegar tudo [claro que com modificações básicas e acréscimo de algumas situações e exclusão de outras, afinal são mídias totalmente diferentes] e transformar em um belo roteiro bem mais baseado no livro do que realmente se tornou, sem perder sua essência. Só espero que o final seja mais parecido com o final do livro, já que me apaixonei completamente [que romântica inveterada, assim como eu – sim, sou dessas –, nunca sonhou vivenciar uma cena parecida?], mas algo no trailer me faz acreditar que até isso, infelizmente, foi modificado. Espero que pelo menos algo aos pés da cena original tenha sido criada no filme. Mas depois que assistir, eu falo a vocês o que achei.
A única coisa que realmente gostei do filme foram as escolhas de Anna Faris e Chris superhipermegagostosão Evans para os papeis de Delilah e Colin. Mesmo que não sejam exatamente parecidos fisicamente com eles nos livros, a maneira de ser de ambos tem a “cara” dos atores. Não conseguiria imaginar outros fazendo esses papéis e lendo só conseguia imaginá-los vivendo cada experiência.
Só acho a capa bem sem graça. Sei que é o pôster do filme e tudo mais, mas sei lá. A única coisa ótima ali é o Chris maravilhosoetudodebom Evans. Mas a Novo Conceito realmente arrasou na diagramação, adorei os detalhes com a lista e os telefonemas em cada início de capítulo, além de serem fofos visualmente falando. E adorei a fonte utilizada nos títulos de cada capítulo e os nomes de cada um deles.
Tão bom ler um livro que a gente goste, se identifique. A leitura flui de uma maneira tão leve e gostosa que quando finalmente percebemos, já acabamos de ler.
Se você gosta de um bom Chick-Lit, com pitadas cômicas e personagens envolventes, e claro, um casal super adorável com um final digno de “Owwn, eu quero isso para mim!”, não pode deixar de ler “Qual seu número?”. Porque sei que vai entrar para a lista de favoritos, assim como entrou para a minha. Inclusive considero-o como um dos melhores Chick-Lits que já li em toda a minha vida, e quem gosta do estilo, tenho certeza de que vai concordar comigo nesse quesito.


É época de celebrar! Uma promoção bem legal que foi a primeira chegar.
Avaliação





Comente com o Facebook:

21 comentários:

  1. Adorei a resenha, eu recebi este livro, e achei o kit lindo.
    E como já vi o trailer do filme fica mais fácil de imaginar a cena. Como tenho alguns livros antes deste para ler vou ter que deixa-lo por enquanto.
    sua resenha só me deixou com mais e mais vontande de ler "qual é seu número"
    Adorei.
    Beijokas enormes.
    Brih
    Meu Livro Rosa Pink
    http://meulivrorosa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Ok, ok. Estou chegando a uma conclusão a cada resenha que leio: nós, blogueiros, somos MUITO mals em relação às resenhas!
    A cada resenha que fazemos, deixamos o leitor com mais vontade de ler. E essa sua resenha? FALA SÉRIO! Tá quase me matando de tanta vontade de ler, poxa! =/
    Essa acho que é a segunda resenha que eu leio desse livro, e é cem por cento positiva.
    O livro deve ser legal, deve ser, na verdade, PERFEITO! <3
    Estou precisando MUITO ler um chick-lit ultimamente, na verdade, qualquer coisa que tenha romance! hahah
    Amei a sua resenha, MESMO.
    Acho que foi a melhor resenha que eu já li!
    Só me deixou MORRENDO de vontade de ler o livro -com mais vontade do que eu já estava-.
    Eu vi o trailer e achei demais, e, ri muito no final -quando eu entendi- hahha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Estou LOUCA por esse filme! sabe onde posso baixa-lo?

    Beijo
    @blogespartilho
    www.o-espartilho.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Obrigada por me deixar com MAIS vontade de ler, haha! E ver o filme também. x) Adorei a resenha!
    Bjs!!

    ResponderExcluir
  5. Ai i meu Deus, sério. Eu disse no twitter que queria ler a resenha.E agora eu estou triplamente louca pra ler o livro. É diferente do que eu costumo ler, tenho certeza que vou rir bastante pelo que você disse, achei bom saber, gosto de experiências novas. Quando eu ler pode ter certeza que vou te mandar um tweet só pra dizer que concordo com o que você escreveu. kkk :*

    ResponderExcluir
  6. Imagino que esse livro seja realmente hilario. Estou morrendo de vontade de ler esse livro. Mas ainda acho que vai demorar um pouquinho.
    Sua resenha fico excelente. Parabens!

    bjs.

    http://booksandmuchmore.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Nossa esse livro parece ser demais! Ja li algumas resenhas e to muuuito ansiosa! adoro o genero literário também!
    beijos beijos!

    http://blogcabelosaovento.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Minha mãe comprou esse livro hoje pra ela, vou pegar correndo emprestado para ler =)
    Quero me divertir com essa história =)

    ResponderExcluir
  9. Ahh
    vc amou mesmo!! Poxa tb acho a escolha dos atores otima, mesmo sem ter lido ou visto, pq pelo trailer achei os dois bem juntos!
    Agora.. eu entendo as milhares de modificações... Na verdade, mts filmes são 'baseados' em livros e as vezes é so um detalhe e nós nem ficamos sabendo...Claro que qnd a gente le, fica esperando encontrar no cine tudo igual, mas acho q em filmes eles tem foco diferente, ai acabam mudando pra ficar mais comercial até para quem não leu... Frustra quem leu, mas enfim... > agora, mudar no nome da personagem foi pegar pesado! rs Será que é mesmo o livro que originou o filme?

    Agora amei o que vc falou da personagem.., Milagre uma personagem que nenhuma vez a gente tem vontade bater! E acho que o fato do Colin ser bem diferente do fofo habitual, é mt bom!!

    bjsss
    Hey Evellyn!

    ResponderExcluir
  10. Amei a resenha, eu já tinha quase comprado esse livro, mas pela sinopse ele não me agradou muito parecia ser outra coisa, mas agora vejo que faz bem o meu estilo.

    @sophia_samhan

    Bjs!

    ResponderExcluir
  11. Nossa, que resenha grande! E boa! Hahaha. *-*
    Comprei o livro que chegou essa semana e estou louca para lê-lo logo, logo, mas tenho uma lista enorme na frente antes. Adoro livros engraçados, mas que não sejam tão clichês. Essa resenha me deixou com mais vontade de ler e vou pensar se passo o livro na frente de muitos aí, hehe.
    O filme parece ser super legal tbm! Vi o trailer antes de saber que tinha livro e logo que vi quis comprar...
    Vou correr pra ler logo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Eu tenho uma coisa estranha com esses tipos de livros, porque perco o interesse de ler os livros se já houver um filme baseado nele. Eu já tinha desanimado para ler o livro, e só ia ver o filme mesmo, mas, depois de ler a resenha, algo me despertou a vontade de ler o livro novamente. Talvez seja a sua empolgação que tenha me contagiado, ou o fato da história parecer ser mais complexa no livro.

    Eu só gostaria que a capa do livro fosse outra, porque detesto capas com cartazes de filmes. Gosto de ter essa diferenciação entre os dois. Mas, fazer o que, né? As editoras nunca perguntam para seus leitores a sua opinião sobre esses assuntos. ú.u

    Amei a resenha! =D

    Beijos!
    (@likepinkandblue)

    ResponderExcluir
  13. Eu amo de paixão Chick-Lits, e to doida pra ler esse, e depois dessa resenha fiquei mais doida ainda... quero ver o filme também, só que eu não consigo assistir um filme que eu sei que é baseado em um livro sem ler o livro antes, então tenho que comprar o mais rápido possível =P

    Beijão!

    ResponderExcluir
  14. Também resenhei este livro. Estava louca pra ver o filme, mas seu comentário me desanimou um pouco, porque pelo jeito mudaram mais do que deveriam (típico). Melhor ficar com o livro mesmo então, haha.
    Enfim, vim também pedir desculpas porque acabei me afastando bastante dos blogs parceiros no CH, mas prometo aparecer pelo menos uma vez por semana aqui, e espero te econtrar por lá.

    Beijos - Isabela.

    ResponderExcluir
  15. Comprei esse livro a alguns dias, mais para participar da promoção da editora Novo Conceito do que por outro motivo.
    Não estava tão animada assim para ler esse livro, mas depois de ver o quanto você gostou dele, acho que vou passá-lo na frente na minha lista de leituras.
    Adoro Chick-Lit, por isso acho que tenho tudo para gostar desse livro, principalmente por que também amo finais românticos!
    A protagonista do livro parece ser muito engraçada! Só pelo jeito com que ela se descreve dá para perceber que vou rir muito com esse livro!
    É uma pena que o filme não seja totalmente parecido com o livro, mas pelo trailer parece que o filme é muito bom também! Fora que tem o Chris *lindo demais* Evans!
    Não gostei tanto da capa do livro, mas o mais importante é que o conteúdo seja bom.
    Quero ver o filme também, pois acho que vou me divertir muito, tanto assistindo o filme quanto lendo o livro!
    E não posso deixar de te dar os parabéns pela resenha maravilhosa! Fiquei muito ansiosa para ler o livro depois de tudo o que você disse sobre ele!
    Adoro suas resenhas! *___*

    ResponderExcluir
  16. meu sonho ler esse livro. deve ser engraçado de mais ela ficar procurando "ex namorados". sera q o final do livro é aquele q eu imagino? aah, emocionada só se pensar no fim do livro, meu.

    ResponderExcluir
  17. Esse livro ta na promoção HASUHSA parece ser muito bom *-*

    ResponderExcluir
  18. Sem dúvida vou comprar esse livro na próxima comprinha que eu fizer!!
    Tem tudo pra ser ilário!! Quero me divertir bastante com ele.rs
    Pretendo ler o livro! Sua resenha me deixou mais doida ainda ... ( calma, respira, Natal ta vindo aí...rs )
    Muito boa sua resenha!! Ahh, eu gostei da capa! Achei bonita.

    Beeijo.

    ResponderExcluir
  19. Adoro este tipo de livro, e tambem de filmes, eu ja perdi a conta de quantos ja vi e adoro demais
    desde que lançou o livro eu sabia que ia amar, mesmo nao tendo lido ainda, é uma pena eu nao poder participar da promoção do seu blog
    adorei a resenha
    abraços

    ResponderExcluir
  20. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  21. Hahaha, já vi o filme e tô doida pra ler o livro que como sempre deve ser muito muito melhor que o filmeee !
    bjjjs

    ResponderExcluir