Guardião? - Eleonor Hertzog


Algumas pessoas se intimidam diante de algo grande, um universo novo cheio de detalhes, uma estória escrita em muitas páginas ou ainda uma mitologia nova que demanda atenção, eu ao contrário vejo essas características como um convite, eu realmente não me importo com o infinito rs! Guardião?, da autora Eleonor Hertzog, lançado pela Editora Mundo Uno é um desses livros que nos lembram sobre as milhares de possibilidades que uma boa estória pode ter.

Neste conto conhecemos Steve Breterech, um lindo jovem que arrasa corações, mas que não é o que parece. Ele é um guardião, protege o herdeiro do trono da linhagem Sarad, Harmon, mas isso também não é o que parece, por de trás desse belo rosto uma estória triste de uma família que se desfez para não perder sua continuidade.

Uma busca de rotina que acontece todos os anos em um evento na Logoa Pintada, Steve esbarra com uma pérola, e uma previsão que vai passar a assombrar seu futuro. Não bastasse esconder dentro de si seu passado, agora ele terá que lidar com novos perigos que envolvem o que restou da sua família.

Não quis dar muito detalhes na sinopse como vi em muitas resenhas que já li, porque o livro é muito curto, apenas 134 páginas, assim dizer muito é estragar a graça deste conto spin-off da série Uma Geração, Todas as Decisões (o primeiro livro Cisne já foi resenhando por aqui). Na introdução do livro a autora diz que você pode ter lido todos os livros da série (Cisne e Linhagens), como não ter lido nada a respeito para poder ler Guardião. Eu acho que ler o conto sem ter lido Cisne pode ter aproveitamento mas pouco já que estrutura de mundos que a autora apresenta em seu primeiro livro é complexa e ajuda muito na assimilação da estória de Steve.

Sua narrativa é feita em terceira pessoa de maneira muito dinâmica. Tudo se passa em dois pontos, primeiro no presente enquanto Steve faz sua busca pelo evento, e segundo em suas lembranças do passado com sua família e depois da morte da mesma. A capa é muito bonita, assim como as pequenas ilustrações no começo de cada capítulo.

Steve é um baú de possibilidades reprimidas, honestamente senti muito pela sua perda logo na primeira infância, e todas as consequências que isto trouxe. Não poder ser você mesmo, e mais que isso ter que assumir tantas máscaras que demandam controle faz com que não conheçamos de fato o personagem. O traço mais marcante de sua personalidade é a responsabilidade, seja como guardião de Harmon, seja com seus irmãos mesmo a disntância.

Harmon, o saad, não aparece muito, mas é o suficiente para não despertar muita simpatia. Ele é um herdeiro do trono um tanto arrogante, como parecem ser todos de sua família. Já a linhagem Moolna parece ser mais empática com o moço, mas devo dizer que todo mundo aqui neste livro é mais frio e distante. E claro bate aquela saudade dos louquinhos dos Melbournes hihi!

Este conto também trás a explicação do nome da série. Mas o foco principal é na vida pessoal de Steve e um pouco sobre a guerra que se dá nas profundezas da Terra no Império Atlante que é citado de maneira muito breve em Cisne (lá o foco está mais em Tarillan). E com isso nos deixa mais perguntas sobre todos esses povos, suas culturas, habilidades e costumes.

"Guardião?" pode ser pequeno no tamanho mas trás uma estória digna de muitas páginas. É um ótimo complemento para série, e um momento prazeroso de leitura que nos brinda com um pouquinho mais desses companheiros que se escondem debaixo do oceano.

Avaliação








Comente com o Facebook:

Um comentário:

  1. Olá, Bruna! \o/

    Confesso que ainda não li nenhuma obra da Eleonor (preciso ler mais obras de escritores nacionais). A sinopse de "Guardião?" me chamou a atenção, e depois da sua resenha fiquei mais interessada. Mesmo que eu não tenha um aproveitamento da leitura da mesma forma que alguém que leu as obras da série teria, ainda assim creio que seria uma leitura satisfatória para mim. Me surpreendi por ser curto, juro que pensei que teria umas 250/300 páginas, haha.

    Ah, respondendo o comentário... Como a senhorita se mostrou muito interessada no sorteio (♥), iremos abrir uma exceção. Se ainda estiver tendo problemas para seguir, para substituir você poderá curtir a página do Sinceroteca e no campo que pede o usuário do Blogger/Google +, é só colocar seu nome (da forma que está no Facebook).

    Beijos! =3

    Coud

    ResponderExcluir