Novidade + Promos Relâmpago


Oii gente! Como estão? Hoje temos uma novidade bem legal que algumas pessoas já puderam conferir, outras ainda não viram, então resolvemos compartilhá-la com vocês!
E no final do post ainda tem duas promos relâmpago bem legais para os amantes de marcadores e são super fáceis de participar! Não deixem de conferir!
O site da Editora iD está de cara nova! Para quem quiser conferir, segue o e-mail que eles nos mandaram contando da novidade. E ainda tem uma SUPER PROMO valendo TODOS OS LIVROS DO CATÁLOGO! Não deixem de participar e boa sorte!


Louca por você – Fernanda Belém


Louca por você, livro de estreia de Fernanda Belém, conta sobre a vida de Renata, que depois de três anos de relacionamento com seu atual namorado, Rodrigo, começa a perceber que aquela paixão ficou no passado.
Procurando mudanças em sua vida, e depois de um sonho que a faz questionar seus sentimentos com o ex namorado Vitor, acontece uma reviravolta em sua vida: está perto de seu aniversário e ela resolve enviar um convite para o caso dele aparecer de volta no seu presente. Só tem um problema, além dela ser comprometida, ele também é.
Mas ele aparece em sua festa com sua atual namorada e ela se questiona se foi por causa de seu aniversário ou se é tudo uma grande coincidência.
Agora, sentimentos que antes pareciam apagados voltam a surgir, e Renata tem que descobrir o que fazer de sua vida amorosa. Muitos encontros, desencontros, confusões e muito amor passam a fazer parte da rotina dos personagens e ela precisa conseguir tomar a decisão certa no meio de tantas emoções.
Assim que eu li pela primeira vez a sinopse do livro, “Louca por você”, fiquei encantada. Mesmo antes até de ter uma capa definida. A alegria contagiante da autora, Fernanda Belém, só conseguiu aumentar ainda mais meu desejo. E quando a capa finalmente foi relevada? Mais amor, já que a capa é realmente linda! E tudo ficou ainda melhor quando eu soube que a autora é minha conterrânea, e que o livro seria lançado aqui pertinho da minha casa! Nunca antes havia ido a um lançamento tão perto de mim, em um local que estou tão familiarizada, e posso adiantar que foi ótimo.
Logo quando abri o livro para começar a leitura, dei de cara com os agradecimentos. Sei que muita gente pula essa parte, mas eu não, simplesmente adoro ler esse pedacinho, pois dá pra saber um pouquinho mais sobre o autor por aquelas palavras. E só por ler o agradecimento ao namorado, já vi que Fernanda é uma romântica, o que logo me fez ter ainda mais simpatia por ela e por sua história, de tão fofas que foram suas palavras logo ali.
Quando comecei a folhear as páginas do livro, fui me encantando pelos personagens. A Renata é uma protagonista decidida, engraçada e de alto astral, gostei muito dela logo de cara, como se fosse uma amiga minha, assim como gostei de todas as suas amigas, super divertidas.
Esse é um livro de emoções. Senti as mais variadas possíveis enquanto estava lendo, e a cada página virada era uma nova sensação, algumas boas, outras nem tanto. Mas é assim que um livro é bom, já que mexe com a gente das maneiras mais diversas.
Em momento nenhum é citado em que cidade se passa a história, mas sim alguns lugares para onde os personagens vão, e é tão legal já conhecê-los, me sinto ainda mais conectada ao livro.
Mas as páginas foram avançando e eis que o ex dela, Vitor, surge de uma maneira que bagunça sua vida inteira, fazendo-a mudar algumas de suas atitudes. Infelizmente Renata perde um pouco de todo o seu brilho. Vitor não me fez suspirar em nenhum momento, e fiquei chateada com as situações que ele acabava fazendo-a passar.
Sei que infelizmente não podemos controlar nosso coração e o que sentimos, e sei que muitas vezes gostamos justamente da pior pessoa que poderíamos gostar.  Mas sei também que sofrer muito não faz bem a ninguém, e que às vezes, mesmo que nosso coração nos diga uma coisa, nossa cabeça tem que ir contra isso para mudar a situação, que vai nos fazer bem de alguma maneira, mesmo que em um futuro distante. E era isso que eu queria que a Renata fizesse, e mais do que nunca queria ser uma amiga dela para tentar dar conselhos, já que também sei que as vezes o coração não nos deixa ver algumas coisas além do que ele quer ver.
Apesar de poder ter algo de admirável na capacidade de esperar uma pessoa por tanto tempo quanto ela espera, me dá desgosto ver que alguém faz isso, deixando sua felicidade na mão de outra pessoa, porque a outra pessoa faz com que seja assim. E o pior, o modo como ele a tratou diversas vezes não fez com que merecesse o respeito de ninguém, muito menos de uma pessoa que tanto o ama, como a Renata. Eu, sinceramente, não teria aguentado nem um terço do que ela aturou. E sempre que ele fazia as babaquices com ela, depois era só vir um pouquinho meigo e ela já voltava atrás, como se nada tivesse acontecido. Era isso que me chateava, sua falta de amor próprio, amar alguém mais do que ama a si própria, sendo que esse alguém nada fazia para merecer nem um milésimo desse amor.
Mas tirando isso, adorei o livro, todos os personagens foram muito bem construídos. Essa é uma história real contada em um livro, pois sei que muitas pessoas passam pelas mesmas situações e com certeza algumas vão até se identificar com isso e com os personagens.
A narrativa flui de uma maneira suave e gostosa, e quando percebemos o livro já acabou. Há bastante diálogo também, o que eu adoro, já que é muito bom ver essa interatividade da protagonista com os outros personagens. Só faltou mesmo aquele romantismo todo que uma romântica assumida como eu adora.
Outro ponto interessante, que me fez odiar um pouco menos o Vitor, foi que havia alguns capítulos em que ele narrou os acontecimentos sob o seu ponto de vista, então dava para saber o que ele pensava e como se sentia em relação a tudo o que estavam passando. Mas na verdade eu queria que a Rê ficasse com o Carlos, um personagem que eu adorei, muito “de bem com a vida”, simpático, fofo, educado, bonito, enfim, tudo de bom! Sei que em muitos momentos a Rê também queria gostar dele, e acabava se lamentando por não mandar no coração. Mas tem aquela coisa, quando você está muito ligada a uma pessoa, pode acabar não enxergando direito as outras maravilhosas que estão ao seu redor.
Porém, tem um fato que preciso comentar, em alguns pontos a passagem de tempo ficou mal explicada, e a autora estava falando algo e de repente já era outro dia, sem ligação e sem ter nenhum tipo de separação, o que acabou embolando um pouco.
No lançamento pude conhecer a Fernanda Belém ao vivo, que foi um amor de pessoa, e mesmo nervosa estava super feliz, dava para ver os brilhos em seus olhos, e é tão legal presenciar esse momento. Ela foi extremamente fofa e simpática e pelos poucos minutos que a conheci, e as conversas que tivemos online, deu para perceber mais ou menos seu jeito de ser, e acredito que ela seja tão alto astral e divertida como a Renata, então acho que ela acabou passando isso para a personagem, o que foi bem legal.
Eu vi que a autora está pensando em fazer uma continuação para esse livro, e estou torcendo para que ocorra uma reviravolta na vida da personagem.
Enfim, eu super recomendo a leitura, Fernanda Belém está aí para provar que também veio ficar e que nós, brasileiros, temos que ter cada vez mais orgulho dos talentosos escritores nacionais que estão surgindo no mercado literário. E mesmo não gostando do Vitor, talvez por toda a sua demora em tomar uma decisão concreta, eu gostei muito da história em si e de como foi desenvolvida. E se você ler e gostar do Vitor, tenho certeza de que vai gostar ainda mais desse livro.



Novidade + Resultado de Promoções


Oii gente! O post de hoje é bem legal, já que trago uma super novidade para vocês e de quebra o resultado de duas promoções!
Primeiramente gostaria de falar sobre a novidade! É que o Grupo Editorial Record, com o selo da Editora Best Seller, está lançando a nova biografia de ninguém menos do que o ex-Beatle, Paul McCartney: FAB - A Intimidade de Paul McCartney.
E não para por aí: com um grande lançamento, nada melhor do que um grande evento para marcar esse acontecimento. Então, quem é do RJ, ou pode vir para cá, está convidado a comparecer! Vai ter até show com banda cover dos Beatles e sorteio de livros! A entrada de menores de idade também é permitida, mas quem for maior de idade e chegar cedo – sendo um dos 50 primeiros – ainda vai ganhar uma cerveja! Vejam o convite:
Informações:
- Data: 05/dezembro
- Local: Big Ben Pub - Rua Muniz Barreto 374
- Horário: das 19:30 a 00:30
- Entrada gratuita

Atrações:
- Banda cover de Beatles
- sorteios de livros
- Os 50 primeiros ganham uma cerveja
- Venda de livros de músicas com desconto 

*É permitida a entrada de menores de idade. 

Agora quem está curioso para saber se foi um dos ganhadores das promoções? Clique em mais informações e veja quem ganhou!



Filha da Tempestade – Richelle Mead


Em “Filha da Tempestade” conhecemos Eugenie Markham, uma xamã poderosa e confiante que trabalha enviando criaturas do Outro Mundo de volta para o lugar deles. A vida está tranquila até que ela recebe uma proposta de trabalho para algo muito mais difícil: resgatar uma jovem da mão de um dos nobres do Outro Mundo.
Só que esse trabalho não é tranquilo como os outros, dessa vez ela vai precisar atravessar para o Outro Mundo em carne e osso, não apenas em espírito, como sempre fez. E para isso vai precisar bolar um ótimo plano de resgate e ter muito cuidado, ou ela pode nunca mais vai voltar.
No meio disso tudo ela conhece Kiyo, que mexe com a cabeça – e outras partes do corpo dela – de uma maneira excitante e inexplicável. Mesmo tendo que ir para o Outro Mundo, ele não sai de seus pensamentos. Lá ela conhece Dorian, um rei sedutor e ambicioso, por quem acaba ficando mexida também.
Mas nada é tão simples como ela pensou que seria inicialmente e pior: acaba por descobrir que pertence ao Outro Mundo muito mais do que gostaria.
Agora, Eugenie precisa lidar com tudo, encontrar uma forma eficiente de resgatar a menina e ainda decidir por qual dos lados do triângulo amoroso ela vai optar.
A trama inteira é muito original e foi uma experiência agradável ler sobre o assunto de uma maneira diferente do que geralmente leio. E preciso citar, também, o quão admirável foi ver a criatividade da autora, ao criar/desenvolver tantas criaturas com diversas características que não chegaríamos nem perto de pensar. Gostei bastante da protagonista por ser uma mulher forte, destemida e temida por muitos. Assim como gostei de vários personagens, mas alguns não me agradaram. Só acho que existiam criaturas do Outro Mundo em uma quantidade muito grande, eram muitos nomes e explicações sobre cada uma delas – mesmo algumas sem explicação nenhuma – que até agora, depois de ler, ainda não gravei quase nada.
Sobre o triângulo amoroso da trama, eu gostei mais do rei Dorian, do que da raposa Kiyo, alguma coisa nele não me agradou e Eugenie gosta dele muito mais do que ele realmente merece. Então é óbvio que torço para que ela prefira ficar ao lado de Dorian, apesar de não estar confiante de que isso possa vir a acontecer.
Mas achei a narrativa de Richelle Mead bastante exaustiva, de uma forma que eu conseguia interromper a leitura em qualquer momento, não precisava nem terminar o capítulo – como eu geralmente faço – para fazer isso. Não li nenhum dos outros livros dela, mas nesse, em diversos momentos, eu ficava querendo ler mais rápido do que o normal só para poder avançar na história e, enfim, saber o que iria acontecer. Não que eu esteja desmerecendo a obra nem nada, mas me senti “empurrando com a barriga” a história diversas vezes.
Agora uma outra questão muito importante que faz com que muitas pessoas queiram ler os livros, e que outras o evitem de todas as maneiras possíveis: a forma como o sexo é abordado em suas páginas. Eu não tenho nenhum problema em ler sobre o assunto, na verdade sou indiferente, se tiver eu leio, se não tiver, não procuro. Mas Richelle Mead é explícita. Se você tiver algum tipo de pudor para ler cenas de sexo explícito em um livro, então “Filha da Tempestade” não é para você, pois a autora utiliza dessa forma de narrar mais de uma vez no decorrer da história e, sim, há detalhes. Mas caso você faça parte do grupo, que não se importa, ou do grupo que gosta de ler sobre o assunto, pois deixa o livro com um ar mais “hot”, então vai gostar muito desse.
Sei que muita gente é muito fã de Richelle Mead, principalmente por causa de Academia de Vampiros, que por sinal eu nunca li, mas infelizmente esse livro não se tornou um de meus preferidos, na verdade só o considerei muito bom, nada além disso.
Também não curti essa capa. Sei que a Agir manteve a original, mas não a acho nem um pouco bonita, mesmo que a mulher ali representada sirva como ótima modelo para a personagem. Agora o que ficou feio mesmo foram as tattoos, muito mal feitas, se queriam colocar uma coisa mais “real”, mais ainda a ver ainda com a personagem, que pelo menos fizessem um trabalho direito. O fundo vermelho, que mais parece um fogo, não tem nada a ver com a trama. Inclusive existe uma outra capa internacional para esse livro, que tem raios no fundo preto, que combina mais.
Enfim, se você está procurando por uma trama diferente e bem escrita, cheia de cenas de ação e que tenha bastante magia, e não se importa [ou gosta] de ler cenas de sexo explícito, vai gostar desse livro.
Vai ter um evento aqui no RJ, de “Filha da Tempestade” no dia 26/11, ou seja, sábado agora. Se você mora perto ou estiver por perto e quiser conferir, segue os dados do evento aí em baixo.

E quem quiser ver o book trailer, vou deixar aqui para vocês conferirem.


Concurso Cultural - Novo Conceito

Heey gente! Como estão?


Hoje tem mais promoção da querida editora Novo Conceito! 
Eles arrasam nas promoções, né?! Eu vou participar, e vocês? 


Boa sorte a todos!





In Our Living Room - Paula Pimenta



Hoje temos uma entrevistada muito especial aqui no House. 

Ela é jovem, bonita, talentosa e já vendeu mais de 50 mil livros no Brasil.

Estou falando da escritora mineira Paula Pimenta, a autora da série Best-Seller 'Fazendo Meu filme', que acaba de lançar seu mais novo trabalho, o livro 'Minha Vida Fora de Série'.

Para quem ainda não leu a resenha de Fazendo meu Filme 1 - A estreia de Fani aqui no House of Chick leia clicando AQUI!

"Desde criança apresentou aptidão para a escrita e por esse motivo prestou vestibular para Jornalismo, embora tenha transferido para Publicidade, após dois anos, curso no qual se formou na PUC Minas. Como publicitária, trabalhou na Rede Minas, como produtora do programa Brasil das Gerais e como assessora de marketing no Minascentro. Estudou também Música na UEMG, deu aulas de violão e técnica vocal por vários anos e é compositora." (trecho retirado do site: www.paulapimenta.com)

Como todas somos muito fãs da Paula, nos empolgamos com as perguntas - fazer o quê, né? Não pudemos evitar! Mesmo assim, como faz parte de seu perfil carismático e atencioso, ela teve a gentileza de, não só responder cada uma delas, como também de fazê-lo com rapidez e esmero.

Para quem quiser entrar em contato com a autora:

@paulapimenta (Twitter)
www.facebook.com/paulapimenta (Perfil no Facebook)


Obrigada Paula mais uma vez por nos ceder essa entrevista e por ser sempre tão fofa e atenciosa com todos os fãs!

Abaixo, segue a entrevista que eu tenho certeza que vocês vão curtir tanto quanto nós a curtimos! :)





Tá barato pra caramba!


Gente, hoje trago para vocês os melhores preços do submarino para que ninguém tenha que ficar procurando.
Selecionei as melhores ofertas, caso se interesse por alguma é só clicar no nome do livro que leva você para o site!!


Kits maravilhosos e super baratos



Livros que estão com desconto progressivo de até 20%



Inside Girl 2 – A coisa mais doce - J. Minter


Inside Girl – A coisa mais doce é o segundo volume da série homônima, e conta a história de Flan Flood, uma adolescente que faz parte da alta sociedade, e tem dois irmãos mais velhos, Patch e Feb, que são super descolados e frequentam as melhores e mais badaladas festas. Mas Flan é diferente deles e gosta de coisas mais tranquilas, como um bom filme antigo.
Flan passa a estudar em uma escola pública perto de sua casa e conquista novas amigas – sem deixar as antigas de fora – além de um namorado super fofo, Bennett.
Mas nesse livro tudo muda. Flan se apaixona por outro, Adam. E o pior, suas duas melhores amigas, Judith e Meredith também gostam do mesmo garoto.
Entre confusões, amizades ameaçadas e um novo romance no ar, há muita diversão enquanto Flan decide o que vale mais a pena, ao mesmo tempo em que sua irmã dá uma de responsável e começa a tratá-la como filha, e Sara-Beth, sua outra melhor amiga, precisa decidir como vai ser a decoração – louca – de sua nova casa.
Já havia lido e resenhado o primeiro volume dessa série aqui no House of Chick, e você pode conferir aqui. A palavra que eu usaria para definir esse volume com certeza seria: desnecessário. Esse livro começa de uma história já iniciada [já que é o segundo volume], e não termina. Aí você deve estar pensando agora: mas isso é o normal, já que esse é o segundo volume, e a série não têm apenas dois volumes. Mas dessa vez não acontece isso de uma maneira normal, usual, já que os acontecimentos ficaram com um ar mais vazio, como se não chegasse a lugar nenhum dentro da história. Como se fosse apenas um complemento para algo que aconteceria ainda nesse volume. Os personagens, assim como muitas das situações foram superficiais, e por isso senti que as lacunas não ficaram devidamente preenchidas.
Não entendi o que fez com que Flan e suas amigas tomassem certas atitudes, que considerei infantis para suas idades. Mas tirando esse detalhe, todos os personagens são super divertidos e a Sara-Beth é hilária! Sério, ela tem as situações mais bizarramente cômicas de todo o livro.
Apesar dessa sensação, esse é um livro bem leve e divertido. E por ser bem fininho dá pra ler incrivelmente rápido. A narrativa flui de uma maneira bem descontraída e eu recomendo principalmente para as adolescentes que gostam de histórias bem água com açúcar.
Não teve nada que me fez odiar o livro, mas também não teve nada de surpreendente que me faria amá-lo. Ele serve mais de apoio para a continuação, que eu espero que tenha um desenrolar melhor.
Quem não leu o primeiro volume não precisa se preocupar muito antes de ler esse, já que o autor [sim, é homem!] explica as situações e os personagens. Mas como o primeiro é bem melhor do que esse, eu recomendo sua leitura antes sim, pois vai te conquistar de uma maneira diferente, até porque é mais fofo e tem um romance mais gracinha.
Sobre o trabalho gráfico do livro, assim como o primeiro volume, está lindo! A iD sempre arrasa! A lombada e a parte interna da capa são vermelhos, a capa é bem bonita, a diagramação, apesar de simples, é muito legal e adoro o mapa de NY do começo do livro.
Dei três casinhas pois considerei o livro, devido a tudo anteriormente explicado, muito bom, mas não chega a ser excelente. 
Se você procura uma história leve e descontraída, para ler em uma tarde, esse livro é uma ótima dica.
 Avaliação



Os Três Mosqueteiros – Alexandre Dumas recontada por Silvana Salerno


Esse livro conta a história passada na França durante o século XVII de três mosqueteiros conhecidos como Atos, Portos e Aramis, e também do jovem D’Artagnan. Juntos viveram o lema: "Um por todos e todos por um!", trazendo assim diversas aventuras e duelos.
Ao completar 18 anos de idade D´Artagnan decidiu sair de Gasgonha, uma aldeia que nascerá e crescerá, para que pudesse, assim, ter uma oportunidade na vida, na cidade de Paris.
Devido a vontade de D´Artagnan de querer ir para Paris, seu pai lhe deu uma carta para que pudesse ser entregue ao seu amigo, o capitão dos mosqueteiros, o Senhor de Tréville. Assim, D´Artagnan partiu para o seu novo destino.
Montado em seu cavalo a caminho de Paris, parou em Meung para poder descansar. Mas chegando lá um homem começou a rir do cavalo de D´Artagnan, então como um bom dom-quixote logo começou a duelar, porém como o cara estava acompanhado, ele acabou recebendo uma surra. O dono do local o levou para dentro e cuidou dele. Esse momento me deu uma raiva do homem que riu do cavalo, não gosto nem um pouco desse tipo de coisa.
Quando D´Artagnan acordou no dia seguinte, deu conta que estava faltando a carta que seu pai havia escrito para ser entregue ao Senhor Tréville. O estalajadeiro disse que havia comentando sobre a carta com o homem da noite passada, que acabou causando um impacto nele. Mesmo com todos esses acontecimentos D´Artagnan continuou com a sua viagem.
D´Artagnan consegue conversar com o Senhor de Tréville que fala com o Rei Luís XIII que o coloca para trabalhar na guarda real. Mesmo servindo a guarda real, D´Artagnan passa a maior parte do tempo em companhia dos seus três amigos mosqueteiros e, juntos, viveram muito aventuras, num lema "Um por todos e todos por um!".
Eu gostei bastante desse livro, não somente pela história, mas também por nos remeter um pouco a infância, pelo simples fatos de ter gravuras contidas neles. 
Um ponto super positivo no livro é a AMIZADE, pois entre os quatro sempre há lealdade, um luta a favor do outro. É muito  importante termos amigos verdadeiros com quem possamos contar, estar conosco nas horas tristes e felizes, para podermos seguir sempre o nosso caminho, ter um ombro para chorar e sorrir, compartilhar todos os momentos da vida. Afinal, quem tem um amigo verdadeiro, tem um tesouro nas mãos.
D´Artagnan é um homem muito corajoso, apesar de muito novo, não tem medo de nada e faz o que for preciso e que jamais dispensa um duelo.
 Uma leitura gostosa de ser ler, que prende a nossa atenção, recomendo para todas as idades, pois uma boa aventura não tem idade.
Escrito por Bruna Campos
Avaliação



Lançamentos de autores nacionais + Promo Relâmpago


Oii gente! Como estão? Alguns dias atrás fizemos um post com os lançamentos das editoras nacionais, e vocês podem conferir aqui.

E hoje vamos falar dos novos livros de autores nacionais que estamos loucas para ler! E aí, por quais vocês estão animados?

Falaremos mais sobre esses autores e seus livros na coluna In Our Living Room, que é nossa coluna de entrevistas. E em breve resenha de alguns desses títulos aqui no House of Chick também.

E no final do post tem uma promo relâmpago bem legal para vocês, não deixem de conferir!


Divulgação - Louca por Você


Oii gente! Como estão nessa sexta-feira? Toda sexta é ótima, né?! Início do final de semana, ô coisa boa! 

Mas a de hoje, 18 de novembro, é um dia mais especial, pois é o lançamento do livro “Louca por você”, que estamos doidas para ler, de uma autora super fofa, Fernanda Belém! E que ainda por cima é de Niterói, "nossa terrinha"!

E é claro que nós, do House of Chick, vamos estar presentes nesse evento. E quem puder comparecer, nos vemos lá!


Sinopse:
O que acontece quando um reencontro desperta um sentimento que você acreditava já ter esquecido? Renata achava que precisava apenas de um pouco de agito no namoro com Rodrigo. A rotina dos três anos de relacionamento havia acabado com todo tipo de frio na barriga e até mesmo com a paixão. Mas como agitar uma pessoa que parece não querer sair do lugar? Desesperada por mais emoções nos seus vinte e poucos anos, Renata decide mexer com o passado. De repente, o simples envio de um convite de aniversário para o antigo namorado faz o mundo virar de cabeça para baixo. Renata encontra no ex a adrenalina que tanto sentia falta. O problema? Ele também era comprometido. Entre e-mails, amigas, brigas, confusões, encontros, desencontros, ciúmes e tentações, Renata tenta amadurecer e espera tomar a decisão certa.

Adicione no Skoob: Louca por Você
Siga a autora no Twitter: @nandabelem

Beijos!


O Dia da Caça – James Patterson


O livro começa com uma cena nada agradável, que é a de um crime horrível. Essa foi a cena que o detetive Alex Cross presenciou, não bastava ser um crime bárbaro, o pior ainda é quando se conhece as pessoas assassinadas sem um motivo aparente, e ele conhecia que era a sua ex-namorada e a família dela. Depois desses assassinatos, começaram a ocorre outros que tinham como vitimas famílias inteiras.


Quando Alex Cross o detetive começa a investigas os crimes bárbaros que estão acontecendo, as pistas acabam levando ele para um lugar muito distante a África, um lugar totalmente diferente do que está acostumado, um lugar cheio de miséria e caos políticos.
O seu trabalho no outro lado do mundo não será nada fácil, pois a polícia fica atrás dele o tempo todo impedindo que realize o seu trabalho. Ele não somente caçará Tiger, um aliciador de crianças, mas também será caçado.
Um ótimo livro, super recomendo para aquelas pessoas que gostam ou amam livros policiais, se você não curte muito ou de jeito nenhuma, faça cara feia para livros desse gênero, recomende aos amigos, ou que sabe não de uma oportunidade.
A história é muito boa, os capítulos são curtos, o autor sabe descrever bem sem ficar se prolongando muito nos detalhes o que acabam deixando o texto muito cansativo de se ler, com o jeito dele de escrever a leitura vai fluindo, que você nem percebe e quando se dá conta já terminou de ler o livro.
O livro mostra do que o ser humano é capaz, se é que podemos chamar de ser  “humano” quem faz isso está muito mais para um ser “monstro”, os motivos que levam essa criatura a fazer isso não tem como entendermos ou aceitar, simplesmente não é aceitável pelo ser humano de bom coração. 
Um fato muito importante do livro é que usa o cenário da África que é pouco explorado pelos autores, pode ser pelo fato de conter miséria, violência, crueldade entre outros. Pois é bem mais interessante explorar o que é bom e belo, mas devemos conhecer os dois lados da moeda.
House of Chick adverte!! Esse livro contêm cenas fortes e detalhadas sobre isso.
Escrito por Bruna Campos
Avaliação




Promoção “Ainda não te disse nada” + IPAD 2 + 100 marcadores



Oi gente! Hoje trago para vocês uma promoção BEM legal que vai dar a chance de vocês ganharem um Ipad 2 e um livro autografado!!
Se já era bom o suficiente aqui no House of Chick é ainda melhor! Vamos sortear também um kit de 100 marcadores entre os participantes.
Se você já participou dessa promoção em alguns dos outros blogs, não tem problema nenhum. Pode participar pelo House of Chick também.
Então vamos às regras?


Os Pinguins do Sr. Popper - Richard & Florence Atwater



Quando comecei a leitura desse livro, eu já tinha uma certa expectativa sobre ele. Talvez por ter amado o Como treinar o seu Dragão (sei que ambos não tem nada de parecido, mas como são livros infantis, pensei que seguiria a mesma linha). Mas talvez por isso não aproveitei tanto a leitura.
Achei o livro um pouco bobo demais, não é que ele seja ruim, longe disso, a história inclusive tem bastante potencial, só não achei que os autores souberam aproveitar bem esse potencial.
Sr. Popper vive em Água mansa com sua esposa e seus dois filhos, um menino chamado Bill e uma menina chamada Janie em uma pequena e confortável casa. Ele é pintor e decorador de paredes, e até a chegada da primavera ninguém mais iria utilizar os seus serviços, fazendo com que ele ficasse em casa para um período de descanso.
Sempre sonhador ele gostaria de ter conhecido o mundo antes, principalmente participado de algumas das grandes exposições polares, mas como não teve a chance então só bastava ficar sonhando com elas.
Preocupado em não ter nada para fazer durante seu descanso, ele acaba descobrindo através de uma mensagem por rádio que o almirante Drake lhe enviou uma surpresa, e não demora muito para ele descobrir que a surpresa é um pinguim muito fofo que ele nomeou de Capitão Cook.
A história então gira em torno da família do Sr. Popper e do seu pinguim. Mesmo enfrentando uma série de dificuldades financeiras pelo “descanso no trabalho” eles ficam com o pinguim, e todos se apegam bastante a ele.
O livro não tem aquela pegada de ser um livro fofo nem nada, mas passa uma história bonitinha, creio que as crianças vão adorar. Mas repetindo o que eu já falei acima, eu o recomendo para todas as idades, até porque sou um exemplo de que adoro livros infantis mesmo já tendo passado dos vinte. hehehehe
Para mim o final ficou devendo um pouco. Achei tudo um pouco rápido e um pouco sem sentido. Mas, ele se adequada à história, só achei que poderia ter incluso mais a família nesse fim.


Outra coisa que achei muito fofa no livro foi a diagramação. Tem desenhos em todo início de capítulo e mais outros espalhados por suas páginas. As ilustrações são muito legais e adorei todas elas.
Bom, vocês já devem saber que o livro inspirou o filme de nome “Os Pinguins do papai” estrelado por Jim Carrey. Eu ainda não assisti mas pretendo fazer isso em breve.
Quem quiser saber mais sobre o filme, assista o trailer aqui em baixo.


Avaliação





Promoções Suma de Letras + Marcadores


Oii gente! Como estão nesse pré-feriado? Vamos animá-los ainda mais, com duas super promoções.
A primeira promo é para ganhar dois livros super desejados no momento, O Atlas Esmeralda e Marina, ambos publicados pela Suma de Letras.
Serão dois sorteados, o primeiro escolhe o livro que deseja e o segundo sorteado fica com o outro livro.
E a segunda promo é de 150 marcadores, super fácil de participar! São 15 kits com 10 marcadores em cada. Então são 15 chances de ganhar, você não pode ficar de fora!
Os kits são divididos por editoras. O primeiro sorteado escolhe o seu kit preferido dentre os 15, o segundo escolhe outro kit dentre os 14 restantes, e assim vai até o último.




Pode beijar a noiva - Patrícia Cabot


Eu já queria ler esse livro há um bom tempo, pois Meg é Meg e sempre tive curiosidade para saber como seria essa história que retratava uma outra época que não é a nossa, já que se trata de um romance histórico.
Ao começar a ler o livro, não me interessei muito pelo que estava sendo narrado pois foi um começo um pouco confuso. Confesso que tive que voltar algumas vezes para conseguir compreender melhor a história já que pula alguns anos sem falar que foi pulado diretamente. 
Fui lendo sem muito interesse, não sei dizer até que ponto ao certo, mas o passar da história foi se tornando cada vez mais interessante e me prendendo, fazendo com que eu passasse a me interessar pelo livro e por sua narrativa.
“Pode Beijar a Noiva” conta sobre Emma, uma jovem que perdeu seus pais cedo e foi criada pelos tios. Ela vivia uma vida boa, porém se apaixonou por Stuart um rapaz um pouco mais velho que tinha frequentado o seminário e que gostava de ajudar os pobres. Ele queria ir para um lugar onde as pessoas realmente precisassem dele.
Como os dois estavam apaixonados resolveram se casar, só que com isso tiveram que enfrentar alguns problemas já que James, o Conde de Denham e também primo de Stuart, não gostou de saber nenhum pouco dessa noticia.
Como as famílias não aceitavam a união dos dois, eles não tiveram outra alternativa a não ser fugir para casar. E é isso que fazem: saem de Londres e vão para Escócia.
A vida não foi nada fácil para nenhum dos dois e depois de seis meses tudo muda, já que ela acaba se tornando viúva.
Mesmo sem marido, porém com muitos pretendentes e sem dinheiro, ela se vira muito bem dando aulas em uma escola simples e sem muitos recursos, já que houve uma epidemia que matou muitas pessoas da cidade, inclusive a professora, fazendo com que eles necessitassem de toda ajuda possível. Mas a chegada do primo do seu ex marido acaba bagunçando, um pouco por assim dizer, a sua vida.
Como em alguns livros da Meg, esse também tem umas cenas um pouco quentes, por assim dizer. Então, se você não gosta de cenas desse tipo pode ser que não goste de alguns pedaços desse livro.
Para quem gosta de romances históricos eu o recomendo, pode ser que no início você queira parar, mas se continuar espero que goste assim como eu. 
Nele vemos que quando menos nos damos conta o amor vence da melhor maneira possível, e que com tempo as coisas se ajeitam.
A capa é super bonita e a Meg Cabot escreveu esse livro com o seu pseudônimo Patrícia Cabot.
Avaliação



Super Lançamentos - Editoras Nacionais


Heey gente! Hoje tem um post ótimo para nós, viciados em livros: os últimos e os próximos lançamentos das editoras nacionais.

São tantos livros maravilhosos que acabaram de chegar e outros que estão por vir, que nem sei qual escolher primeiro, só sei de uma coisa: Quero TODOS! \o/

Alguns dos lançamentos que não foram citados nesse post, já haviam sido citados antes no blog, em outro post de lançamento ou então em resenhas.

Se quiser saber mais sobre cada livro, é só clicar no título em baixo da capa.

Então, preparados para aumentar as wish lists? 



In our Living Room - Evandro Raiz Ribeiro



Oi gente, hoje trago para vocês uma entrevista super legal que fizemos com Evandro Raiz Ribeiro, o autor de “Não deixe o Sol brilhar em mim” publicado pela editora Dracaena. 
Ele é super simpático e adoramos fazer essa entrevista.
Em seu blog, Evandro sempre trás novidades super legais. Para visitá-lo clique AQUI.
E se quiser conhecer um pouco mais sobre esse querido autor siga-o no Twitter

Para quem ainda não leu a resenha do livro dele, não deixe de conferir clicando AQUI pois o livro é muito bom e super recomendado por todas nós.

Então vamos a entrevista?


A Casa dos Anjos – Antonio Rondinell


“A Casa dos Anjos” nos trás a história de quatro mulheres que não tem nada em comum.  Revivem o  passado  e estão a procura da felicidade. Mas em um momento na de suas vidas suas história acabam se encontrando.
Júlia Serrado é uma bailarina e coreografa. Mas acima disso é uma mãe em busca de sua filha que fora seqüestrada pelo seu pai
Marina Pessoa uma pessoa que está em busca da sua identidade, pois abandonou tudo em sua vida, a família e a carreira para viver um grande amor, fez tudo movida pelo coração, mas depois se vê vivendo em um casamento fracassado.
Celina Gondin é uma escritora que tem sua vida mudada por causa de um acidente muito grave que matou o homem o qual amava e a deixou sem a capacidade de se locomover. Ela precisa aprender a beleza de se viver e a ter coragem de voltar para o mundo o qual se afastou.
Clarinda de Holanda vive um casamento violento por causa de uma promessa e um segredo que o seu passado lhe condenou.
Mesmo a história tendo quatro personagens principais não deixou que se tornasse  uma leitura complicada, mas no momento em que elas se entrelaçam fica bem mais fácil o seu entendimento. Além dessas quatros, há diversos personagens secundários, os quais tem sua história descrita também, o que é muito bom para poder entender o contexto por completo 
É um livro muito emocionante que faz você ter todos os tipos de sentimentos possíveis. Nos mostramos como muitas vezes acabamos lidando com o sofrimento que encontramos em nossas vidas. Mostra conflitos que são a verdadeira face de um homem. Gostei do livro por nos contar uma história que fala de superações.
Escrito por Bruna Campos
Avaliação




Resultado das Promoções de marcadores Atualizado

Oi gente, hoje trago para vocês o resultado da Promoção Relâmpago - 100 marcadores a Promoção Relâmpago para quem comentou na resenha de Julieta Imortal e a promoção para quem comentou na entrevista do Evandro. 
Espero que vocês gostem do resultado e quem ainda não ganhou aqui no blog, não desanime, pois sempre estamos com muitas promoções.


Veja se foi um dos ganhadores!





Julieta Imortal – Stacey Jay


Julieta Imortal um livro de Stacey Jay que é um dos livros mais novos da Editora Novo Conceito. Trás uma versão diferente da história de Romeu e Julieta o famoso romance de William Shakespeare.
Quem nunca ouviu falar de Julieta Capuleto e de Romeu Montecchio, uma história conhecida por todo mundo, na qual virou filme e também peça de teatro. São os personagens mais conhecidos dos livros mesmo passadas algumas décadas, alguns séculos, não perderam o seu lugar na literatura mundial, simplesmente um marco. Agora essa história será vista com olhos que jamais foram vistos.
Quando se pensa em Romeu e Julieta, se pensa em uma história de amor, onde a morte foi à solução para o amor, mas no fim isso não era verdade a morte significava para Romeu a vida eterna, então para isso sacrificou a vida de Julieta a quem dizia amar. Os dois acabaram tendo vida eterna, Julieta seguindo o caminha da luz, sendo assim uma Embaixadora da Luz e Romeu seguindo o caminho da escuridão, sendo um Mercenário do Apocalipse. Antes duas almas gêmeas, agora em destinos diferentes no qual Julieta tem a função de juntar as almas gêmeas e Romeu de separar, destruir as almas gêmeas, ele fará de tudo para destruir a felicidade dela.
Julieta para atuar como Embaixadora da Luz ela encarna em uma pessoa, para que assim posso desenvolver suas atividades. Na sua ultima encarnação ela passa a habitar o corpo de Ariel. Mas para Romeu a história é diferente para ele entrar no corpo de uma pessoa ela precisa estar morta, esse é o único jeito, dessa forma ela passa a possuir o corpo de Dylan.
A missão de Julieta é muito importante a de unir duas almas gêmeas, que são destinadas a ficarem juntas, mas por algum desvio o destino acaba precisando de uma mãozinha.
Primeiramente tenho que dizer que a capa é linda e eu estava com muita vontade de ler. O começo do livro é um pouco complicado, meio confuso, mas ao longo desenvolvimento da história o seu entendimento fica mais claro.
È um livro muito bom, onde se tem uma outra visão diferente da história tradicional de Julieta e Romeu. Os capítulos não são muitos grandes, o que fica bem melhor a leitura. Julieta é a narradora na maior parte do livro e Romeu também é narrador, em apenas três capítulos.
Ao longo da história Julieta descobre fatos muito relevantes sobre a sua vida, e acaba descobrindo que tudo aquilo que pensara que aconteceu não era uma total verdade. Acontece várias reviravoltas que fazem Julieta pensar sobre o seu futuro, a fazendo pensar qual é a verdadeira verdade que está por de baixo dos panos. Ao longo do livro é passado uma lições de vida, que para entender só lendo. Espero que gostem da história, assim como eu gostei.
Escrito por Bruna


Avaliação: